Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 11/05/2011 | 17h32

Lucro da ArcelorMittal sobe 67%

Siderúrgica lucrou US$ 1,07 bilhão no primeiro tri.

Clarissa Mangueira, Agência Estado

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Clarissa Mangueira, Agência Estado

A siderúrgica ArcelorMittal disse que seu lucro líquido subiu 67% no primeiro trimestre deste ano, para US$ 1,07 bilhão nos primeiros três meses de 2011, de US$ 640 milhões no mesmo período do ano passado, ajudado pela inclusão de um ganho extraordinário de cerca de US$ 400 milhões relacionado à cisão de sua divisão de aço inoxidável Aperam em janeiro. Às 11h45 (de Brasília), as ações da avançavam 2,60% na Bolsa de Amsterdam.

As vendas da companhia no primeiro trimestre cresceram 27%, em bases anuais, para US$ 22,18 bilhões, enquanto o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) - uma medida importante do lucro observada pelos analistas - subiu para 52%, em bases anuais, para US$ 2,58 bilhões. A alta do Ebitda foi impulsionada pela inclusão de um ganho de cerca de US$ 300 milhões relacionado a uma reversão de provisões.

O diretor financeiro da companhia, Aditya Mittal, afirmou que todos os segmentos da companhia apresentaram uma melhora do lucro.

A siderúrgica se beneficiou de uma alta de 7% do preço médio de venda do aço no primeiro trimestre e um aumento de 4% dos embarques de aço, para 22 milhões de toneladas, devido ao forte crescimento da demanda dos setores automotivo e manufatureiro nos EUA e no norte da Europa.

A América Latina também continua a ser um forte mercado para a ArcelorMittal com um crescimento robusto da demanda doméstica, mas a força do real em relação ao dólar permanece como uma preocupação, visto que atrai mais a concorrência da China, cujo crescimento deverá abrandar no segundo semestre do ano em comparação com o primeiro semestre, disse Mittal.

A companhia também reportou, separadamente, o lucro do seu segmento de mineração pela primeira vez. O Ebitda do setor aumentou 6,5% nos primeiro trimestre, para US$ 607 milhões, e representou cerca de 25% do Ebitda total do grupo.

O Ebitda do setor de mineração cresceu mesmo com a queda de cerca de 6% da produção de minério de ferro, um ingrediente essencial usado na siderurgia, para 11,8 milhões de toneladas em razão de uma série de fatores, incluindo um incêndio em um de seus concentradores no Canadá.

A companhia afirmou também que espera que os embarques e os preços do aço continuem a subir no segundo trimestre. As informações são da Dow Jones.



Tags: ArcelorMittal, siderurgia, balanço, lucro, aço.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência