Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Marketing e Lançamentos | 06/06/2011 | 18h32

Nissan March chega em outubro

Modelo produzido no México terá preço inicial abaixo de R$ 30 mil.

Mário Curcio, AB

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Mário Curcio, AB

Em outubro deste ano a Nissan começa a vender no Brasil o pequeno March. Ele virá do México para concorrer no segmento de entrada onde brigam hoje Volkswagen Gol, Fiat Uno e Chevrolet Celta, por exemplo. Nesta segunda-feira a Nissan exibiu o carrinho a um grupo de jornalistas, mas sem revelar preços nem detalhes técnicos ou de acabamento.

Já se sabe, porém, que a versão mais em conta terá motor 1.0 de 16 válvulas e preço inicial abaixo de R$ 30 mil. Esse motor será muito parecido com aquele que equipa o Renault Sandero 1.0 Flex 16V, que produz até 77 cv quando abastecido com etanol. A outra motorização será 1.6, também com 16 válvulas e flexível. Automotive Business andou num carro semelhante a esse, mas movido somente a gasolina (destinado aos mexicanos) e que produz 106 cv.

O March é gostoso de guiar, como em regra são os carros da Nissan. O câmbio de cinco marchas tem engates fáceis e a posição de dirigir é agradável. O teste do carro foi feito em um pequeno circuito que não permitiu julgar acelerações nem estabilidade, mas cada pequena impressão ao dirigir foi positiva.

O teto elevado e o bom espaço, especialmente para quatro pessoas, é um ponto alto desse Nissan. Contudo, um terceiro adulto no banco traseiro ficará bem espremido. Com 3,78 metros, o March é 1 centímetro maior que o novo Uno e por isso fácil de estacionar. A boa visibilidade para todos os lados reforça essa característica. O porta-malas é pequeno. Leva 265 litros de bagagem, 15 litros a menos que o do novo Uno.

As formas circulares dominam o interior do carro. Por conta disso, o desenho do painel de instrumentos é mais funcional que bonito ou criativo. O carro testado tinha ar-condicionado, direção com assistência elétrica, travamento automático das portas, desembaçador traseiro e até computador de bordo, entre outros itens. Estima-se que a versão 1.6 custe algo em torno de R$ 35 mil por aqui.

Assim como outros Nissan à venda no Brasil, o March não foi desenhado especialmente para o mercado brasileiro e por isso sua aceitação é uma incógnita. O que se pode dizer é que, visto de perto, ele é bem diferente dos carros que já estão à venda por aqui e haverá mais gente aprovando que torcendo o nariz.



Tags: Nissan, March, México, Renault Sandero.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência