Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Importados | 10/10/2011 | 15h11

Alta do IPI impossibilita competição com carros nacionais, diz Abeiva

Associação critica governo por impor aumento imediato da alíquota

Agência Estado

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Agência Estado

José Luiz Gandini, presidente da Abeiva, associação dos importadores de veículos, afirmou nesta segunda-feira, 10, que o aumento do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) em 30 pontos porcentuais para veículos que não tenham 65% de índice de nacionalização "tira dos importados a possibilidade de competir com os nacionais".

Para o executivo, que também preside a Kia Motors do Brasil, a elevação do imposto "acabou com a função das importadoras de balizar os preços praticados no Brasil a níveis internacionais". Gandini criticou ainda a postura do governo em não conceder um período de 90 dias antes do aumento da alíquota. Segundo ele, a rede de concessionárias dos associados da Abeiva irá recolher cerca de R$ 5,6 bilhões em impostos este ano. A associação representa 27 marcas que possuem 800 concessionárias.



Tags: IPI, Abeiva, carro, veículo, importado, importação.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência