Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 18/10/2011 | 17h55

Confiança do brasileiro aumenta em setembro

Índice da ACSP subiu para 154 pontos, 4 acima do nível de agosto

Agência Estado

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Agência Estado

Pesquisa da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) mostra que o brasileiro segue otimista quanto à sua situação financeira para os próximos seis meses. O Índice Nacional de Confiança (INC) de setembro, divulgado na terça-feira, 18, subiu para 154 pontos, quatro acima do nível registrado em agosto. Na comparação com setembro do ano passado, a alta foi de um ponto. O INC varia de 0 a 200 e o otimismo é caracterizado acima dos 100 pontos.

Quase metade dos entrevistados (47%) respondeu considerar boa sua situação financeira, a mesma porcentagem apurada em setembro do ano passado e uma pequena queda em comparação aos 49% de agosto de 2011. Aqueles que veem suas finanças em situação ruim subiram de 28% para 29%, acima do índice de setembro de 2010 (26%). E 42% acreditam que a economia da sua região ficará mais forte nos próximos seis meses, ante 39% em agosto. Já o porcentual de brasileiros que preveem o contrário subiu de 13% para 14%.

Para a ACSP, os dados mostram que o brasileiro vê um aperto na situação financeira, mas ainda mostra otimismo quanto ao futuro. “Os dados da pesquisa sugerem que o consumidor está mais responsável pelo orçamento, tentando guardar dinheiro e acreditando que a partir de 2012, com a alta do salário mínimo, a situação financeira vai melhorar e permitir um retorno às compras”, avaliou em nota o presidente da entidade, Rogério Amato.

O otimismo para compras de eletrodomésticos se manteve em setembro, com 43% dos entrevistados se sentindo à vontade para adquirir uma geladeira ou um fogão, por exemplo. Aqueles que se veem com pouca disposição somaram 29%. Além disso, a pesquisa mostra que 40% se sentem seguros no emprego, ante 38% em agosto. “Esses números mostram que o consumidor mantém a confiança no emprego, mesmo com as notícias da crise internacional”, afirmou o comunicado da entidade.

Na divisão por classes, a mais otimista é a C, que manteve 155 pontos em setembro. Já as classes A/B e D/E aumentaram a confiança, que passou, respectivamente, de 143 para 154 pontos e de 133 para 135 pontos.



Tags: Índice Nacional de Confiança, INC, Associação Comercial de São Paulo, ACSP, consumidor.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência