Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Euro 5: queda nos juros compensa preço maior
Roberto Cortes, presidente MAN Latin America

Comerciais | 29/05/2012 | 22h55

Euro 5: queda nos juros compensa preço maior

Roberto Cortes avalia medidas de incentivo do governo para veículos comerciais

SUELI REIS, AB

As duas reduções da taxa de juros para financiamentos de bens de capital (que inclui veículos comerciais pesados) anunciadas pelo governo, uma anunciada em abril, de 10% para 7,7% ao ano e a segunda em maio, de 7,7% para 5,5% ao ano, vão causar queda nos índices negativos estimados para o segmento de veículos comerciais pesados, especialmente caminhões. A ajuda veio em boa hora, avaliou Roberto Cortes, presidente da MAN Latin America, que responde pela Volkswagen Caminhões e Ônibus e agora pela marca MAN, recém-chegada no País.

O presidente da MAN revelou que a indústria trabalhava com estimativa de queda de até 20% na produção de caminhões este ano e que com as novas medidas, esta redução deve ficar entre 7% e 10%. Os incentivos também eliminam o maior entrave enfrentado pelo setor para alavancar as vendas dos modelos Euro 5: o preço, que ficou de 10% a 15% mais caro que a versão Euro 3.

“É a minha maior crença para mudar as perspectivas para o ano. Aquele temor do início está acabando: nunca tivemos taxas tão baixas, o que fez com que o aumento de preço seja compensado com a redução de custo no financiamento. No fim das contas, um modelo Euro 5 sai pelo mesmo preço de um Euro 3”, afirmou.

O presidente da MAN também disse que se reuniu com o diretor da Agência Nacional do Petróleo (ANP), Alan Kardec, na segunda-feira, 28, para apurar ele mesmo sobre a disponibilidade do diesel S50, outro entrave que causou muitas dúvidas por parte dos clientes. Cortes garantiu que há diesel suficiente para abastecer os postos credenciados em todo o País. “Também estamos extinguindo as dúvidas quanto ao Arla 32, que é oferecido por um preço competitivo em todas as nossas 150 revendas espalhadas pelo Brasil”, acrescentou.

REAJUSTES

Apesar da boa notícia para o setor, o mercado ainda assim será menor em 2012. Para ajustar os estoques à demanda, a MAN Latin America concederá o que Cortes chamou de “mini férias coletivas”, no período de duas semanas, a partir de 4 de junho. A empresa acertou os detalhes em uma reunião realizada nesta terça-feira, 29, com representantes do sindicato dos metalúrgicos de Volta Redonda (RJ).

“Nossa relação com o sindicato sempre foi amistosa e nessa reunião exaurimos qualquer possibilidade de demissão. Nossa decisão pelas férias se alinha com a necessidade de ajustes de estoque e esperamos retomar a produção em condições normais na segunda quinzena de junho, já com a visão de um novo cenário.”

Desde fevereiro, quando retornou das férias coletivas de fim de ano (concedidas em janeiro e não em dezembro, tradicionalmente), a unidade da MAN LA em Resende (RJ) realizou paradas para ajustes técnicos e de estoque, entre dois e três dias por semana, informa o presidente da companhia, com corte de horas extras, prolongando os fins de semana (dispensa dos trabalhadores nas sextas-feiras) e permitindo folgas nos feriados prolongados.

Outras montadoras também estão tentando se adequar à situação dos estoques ainda altos, já que as medidas do governo só devem ser sentidas nos próximos meses, como é caso da Mercedes-Benz (leia aqui).



Tags: Roberto Cortes, MAN Latin America, caminhões, financiamentos, Euro 5, Euro 3, diesel S50, Arla 32.

Comentários

  • Fabricio

    gostei dessa noticia espero que realmente se confirme e melhore esse nosso cenário

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência