Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Ghosn desconversa sobre aposentadoria

Carreira | 22/06/2012 | 19h03

Ghosn desconversa sobre aposentadoria

E nega sua saída antes de 2017

REDAÇÃO AB

O executivo-chefe da Nissan, o brasileiro Carlos Ghosn, negou nesta sexta-feira, 22, os relatos sobre sua aposentadoria antes do início do próximo ciclo de negócios da empresa, em 2017, segundo informações da Reuters citada pela Dow Jones. Na quinta-feira, 21, a Bloomberg noticiou a possível saída de Ghosn em reportagem que chegou a apontar os possíveis sucessores, como Carlos Tavares, atual chefe de operações da montadora, e Dominique Thormann, da área financeira (leia aqui).

No entanto, Ghosn desmentiu. “Falar sobre renúncia daqui a cinco anos francamente não é um tópico atual no momento”, comentou em uma entrevista para a Reuters. O executivo, que está à frente da Nissan desde 2001, acumula o cargo de CEO da aliança que a empresa mantém com a Renault.

“Quando se é CEO, é preciso ter duas condições: primeiro, os acionistas precisam confiar em você e querer que você lidere a companhia; segundo, é preciso sentir motivação para executar o trabalho. Então, enquanto você tiver esses dois fatores, você continua no cargo. E hoje existem os dois fatores”, disse.

Ghosn, que também tem cidadania francesa, acrescentou que gostaria que a Nissan fosse liderada por um japonês quando ele deixar o cargo. Entretanto, afirmou que tanto a Nissan quanto sua parceira francesa Renault tem um amplo número de executivos talentosos que podem ser escolhidos para sucedê-lo.



Tags: Carlos Ghosn, Aliança Renault Nissan, aposentadoria.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência