Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Internacional | 12/07/2012 | 16h33

PSA fechará fábrica e demitirá 8 mil na França

Crise faz empresa perder € 700 mi no 1º semestre

REDAÇÃO AB

O grupo PSA Peugeot Citroën, que apresentou queda de 13% nas vendas mundiais do primeiro semestre (leia aqui), anunciou nesta quinta-feira, 12, prejuízo de € 700 milhões no período e mais: cortes de 8 mil empregos na Europa.

Segundo informações da Agência Reuters, a fábrica de Aulnay, na França, que emprega cerca de 3 mil funcionários, será fechada em 2014. Outra unidade, responsável pela produção de sedãs, localizada em Rennes, no mesmo país, terá 1,4 mil de seus 5,6 mil profissionais demitidos. Outros 3,6 mil postos fora das linhas de montagem também serão fechados.

A medida tende a reorganizar a capacidade doméstica da PSA e pode ainda acelerar uma onda de reestruturações no oeste da Europa. O governo do presidente socialista François Hollande informou que está analisando o fechamento da fábrica, mas não contestou a iniciativa, o que gerou críticas da maior central sindical da França, a CGT.

"A gravidade e a persistência da crise que impacta nossos negócios na Europa tornou esse projeto de reorganização indispensável", justificou o presidente da PSA Peugeot Citroen, Philippe Varin.



Tags: PSA, Peugeot, Citroën, França, fábrica, crise, Europa, demissão.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência