Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Combustíveis | 13/09/2012 | 18h26

Brasil produzirá menos etanol em 2020

Projeção da Empresa de Pesquisa Energética aponta 63 bilhões de litros em vez de 73 bilhões previstos anteriormente

AGÊNCIA ESTADO

A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) reviu a sua projeção de produção de etanol para 2020. Em vez de 73 bilhões de litros, devem ser produzidos 63 bilhões de litros, segundo o presidente da EPE, Maurício Tolmasquim. "Tudo o que podia acontecer de errado em 2008 deu errado. Quando chegou a crise econômica, o setor já estava endividado. Houve aumento de custo e queda da produtividade, somados a problemas climáticos", afirmou.

Mesmo a projeção de produção de 63 milhões no prazo de oito anos é considerada otimista pela EPE. Este deverá ser um volume teto, de acordo com Tolmasquim. Ele, porém, não prevê nova revisão dos números por enquanto. "O etanol está passando por um mau momento, mas tenho certeza de que é conjuntural", disse.

Tolmasquim reconhece as dificuldades como sendo conjunturais e aposta no financiamento de projetos para o setor via Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) como um instrumento de estímulo à retomada da produção. Além disso, com o aumento da frota de carros bicombustíveis, a tendência é de aumento do consumo e, consequentemente, da produção, disse.



Tags: Etanol, bicombustível, combustível.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência