Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado | 12/11/2012 | 17h56

Vendas devem ser impulsionadas pelo 13º no fim do ano

Projeção da autoAnálise mostra que IPI terá impacto menor em novembro e dezembro

REDAÇÃO AB

O mês de outubro, com mais de 334,5 mil veículos vendidos (alta de 16% sobre setembro e de 19,4% sobre outubro de 2011), foi comemorado pelo setor com o melhor de todos os tempos. Estudo divulgado na segunda-feira, 12, pela consultoria autoAnálise, aponta, no entanto, que o efeito do IPI não tende a impactar diretamente as vendas nos meses de novembro e dezembro.

Segundo Francisco Mendes, sócio da autoAnálise e um dos responsáveis pelo estudo, houve um momento de forte alta gerada pelo benefício de redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), com consequente diminuição de preços, como foi anotado em outubro, mas este efeito já se interrompeu. “Com a redução do IPI, há a diminuição do preço, e consequentemente aumento das vendas. Mas tudo tem limite. Chega um ponto em que a aceleração tem de parar”, diz Mendes.

De acordo com o consultor, nos meses de novembro e dezembro as vendas devem ser manter estáveis e deverão ser impulsionadas principalmente pelo 13º salário. “Neste momento, não é mais o preço do veículo que influencia, mas a disponibilidade de renda. A curva do gráfico mostra uma taxa de crescimento considerada normal para o período.”

A média diária de vendas – que está mais alta do que nos anos de 2011 e 2010 por causa do aumento de renda anotado em 2012 e das sucessivas prorrogações do IPI –, ainda se acelerará ao nível de 14,5 mil unidades/dia até o final do ano, aponta a projeção.

Mas como fica o mercado após 31 de dezembro, quando, teoricamente, acaba o beneficio do governo e ainda entra-se em um período com menos recursos financeiros? Mendes acredita que, em decorrência da alta inadimplência (em 6% em setembro), o crédito deverá ser normalizado somente nos últimos meses de 2013, e que não haverá forte expansão de renda durante o próximo ano. “O que sustentará as vendas em 2013 é o preço dos veículos. Se não for mantido, a tendência é de queda inevitavelmente.”

Vendas



Tags: IPI, autoAnálise, Francisco Mendes.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência