Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado | 23/11/2012 | 18h19

Grupo Volkswagen investirá € 50,2 bilhões até 2015

CEO Martin Winterkorn detalha o planejamento

REDAÇÃO AB

O Grupo Volkswagen revelou a estratégia de seu novo ciclo de investimentos para os próximos três anos, entre 2013 e 2015, quando planeja aplicar € 50,2 bilhões, com foco no desenvolvimento de novos veículos, tecnologias limpas e novas fábricas. O aporte vem para apoiar e acelerar o plano de ultrapassar a Toyota e tornar-se a maior montadora do mundo até o fim dessa década.

Com este valor, a Volkswagen desembolsará uma média de € 16,7 bilhões em cada um dos três próximos anos, um aumento de 33,6% com relação à média de € 12,5 bilhões por ano, considerando o aporte de € 62,4 bilhões anunciado no ano passado para o período 2012-2016. Pela primeira vez, o planejamento de investimento inclui as marcas MAN e Porsche.

“Apesar do ambiente econômico desafiador, estamos investindo mais do que nunca para alcançar nossos objetivos de longo prazo. Este investimento é a chave para a inovação do Grupo Volkswagen e a liderança tecnológica. Ele nos permite reforçar a nossa posição competitiva e garantir que estamos aptos para o futuro”, afirmou o CEO e presidente executivo do grupo, Martin Winterkorn, após reunião realizada na sexta-feira, 23, com o conselho.

Do total anunciado, € 39,2 bilhões serão aplicados em ativos imobilizados, como instalações, fábricas e equipamentos, sendo que 60% deste valor serão gastos na Alemanha. Outros € 10,6 bilhões serão utilizados para o desenvolvimento e introdução de novos modelos, modernização e ampliação da gama de produtos de todas as suas marcas. O foco será veículos novos, derivados e modelos sucessores de quase todas as categorias em que atua, incluindo uma nova geração de caminhões MAN. O investimento contemplará ainda novas gerações de motores e o desenvolvimento de propulsores híbridos e elétricos. Além disso, a Volkswagen planeja expandir sua capacidade no México, com a produção de um novo modelo da Audi, ampliar a fábrica de Leipzig (Alemanha), onde são fabricados os Porsche, para a introdução do modelo Macan e um novo SUV.

Investimentos fora da produção serão para a área de desenvolvimento, qualidade, vendas, fornecimento de peças e tecnologia da informação, informa a empresa.

De acordo com o Bernd Osterloh, membro do conselho, o planejamento representa também um compromisso da empresa para assegurar os postos de trabalho e ganhar flexibilidade nas linhas.

“Estamos investindo também para garantir a nossa rede de produção entre plantas. Isso permite a produção flexível de diferentes volumes e produtos em nossas unidades para atender as exigências do mercado”, disse Osterloh.

O valor de € 50,2 bilhões para o período 2013-2015 não inclui a China, onde a Volkswagen mantém joint venture com a Saic e com a Faw. No mercado chinês, que é atualmente o maior do mundo, a marca informa que investirá em conjunto com as empresas parceiras o equivalente a € 90,8 bilhões no mesmo período, principalmente em novas fábricas. A empresa planeja atingir uma capacidade instalada de 4 milhões de unidades por ano até 2018 no país.

O comunicado da Volkswagen não menciona se há planos para uma nova fábrica no Brasil.



Tags: Volkswagen, investimento, MAN, Porsche, Audi, Martin Winterkorn.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência