Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Negócios | 17/12/2012 | 14h23

Agrale investirá US$ 12,5 milhões na Argentina

Fábrica em Mercedes será ampliada para montar tratores e ônibus articulados

REDAÇÃO AB

A Agrale investirá US$ 12,5 milhões em sua fábrica localizada na cidade de Mercedes, na província de Buenos Aires, Argentina, para produzir tratores a partir do primeiro semestre de 2013. Segundo comunicado da empresa divulgado na segunda-feira, 17, o índice inicial de conteúdo local será de 50%, passando para 70% posteriormente, com a introdução dos motores MWM International, fabricante de propulsores que também mantém uma fábrica no país. A nova linha prevê vinte novos postos de trabalho, que se somarão aos atuais 100 empregados.

O anúncio foi feito pelo presidente da Agrale, Hugo Zattera, para a ministra da Indústria argentina, Débora Giorgi, na quarta-feira, 12, na capital Buenos Aires. Também participaram do encontro o gerente comercial da empresa, Ignacio Armendariz, o gerente financeiro, Leonardo Moroziuk, e o secretário de planejamento estratégico, Horacio Cepeda.

O aporte também contemplará a ampliação da produção de chassis para a montagem de ônibus articulados urbanos, no segundo semestre de 2013, que demandará a implantação de uma segunda linha. Será a primeira vez que este tipo de veículo será fabricado no país, com tecnologia e engenharia nacionais. Os ônibus articulados circularão na capital Buenos Aires e há possibilidade de exportação para outros países da América Latina, informa comunicado do Ministério da Indústria.

Ainda segundo o ministério, pelo acordo, a Agrale se comprometeu a incrementar a integração de componentes nacionais, substituir importações e colocar, no curto prazo, seus produtos nas rotas das exportações regionais. Em contrapartida, a ministra Giorgi colocou à disposição da fabricante todas as ferramentas financeiras, como os créditos do Fundo Bicentenário, de cinco anos com taxa anual de 9,9% e assessoria técnica para os processos de homologação necessários.

Esta é a segunda intervenção da Agrale na Argentina. No fim de 2007, a empresa anunciou investimento de US$ 50 milhões para erguer sua fábrica no país: a unidade opera desde 2008, com a produção de chassis de ônibus e caminhões leves, e já produziu mais de 3,3 mil veículos.

NOVO PROJETO

O presidente da Agrale informou à ministra Giorgi os avanços de outro negócio impulsionado pela empresa: o desenvolvimento de um chassi de origem argentina movido a gas natural veicular (GNV), com carroceria Metalpar, encarroçadora local que pertence à Marcopolo (leia aqui). O novo projeto já gerou intenção de compra de 200 unidades do chassi.



Tags: Agrale, investimento, Argentina, tratores, Hugo Zattera, MWM International, Débora Giorgi.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência