Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Internacional | 04/04/2013 | 19h50

Porsche Panamera ganha primeira versão híbrida

Sedã custará € 110 mil e será apresentado no Salão de Xangai

REDAÇÃO AB

A Porsche revelou em comunicado as novidades da segunda geração do Panamera. A principal delas é o lançamento do Panamera híbrido, equipado com um motor 3.0 V6 a gasolina de 316 cavalos de potência e outro elétrico de 94 cavalos alimentado por bateria de íon-lítio. A sua potência combinada é de 410 cavalos, acelerando de 0 a 100 km/h em 5,5 segundos e chegando aos 269 km/h. O consumo médio é de 32km/l, atingindo até 133 km/h com o motor elétrico e 270 km/h com o propulsor a combustão.

Além do carro híbrido de luxo, a gama da Porsche é completada com o Panamera Turbo Executive e novas versões do Panamera S e Panamera 4S, que possuem 15 centímetros a mais de entre eixos, aumentando assim o espaço interno do veículo. Os novos modelos vêm equipados com motor 3.0 V6 com dois turbocompressores, que substitui o propulsor 4.8 V8 dando aos carros 20 cavalos de potência a mais. Apesar de mais potentes, a Porsche diz que as versões poluem 18% a menos.

O início das vendas da nova geração de veículos está previsto para julho na Alemanha. Os preços começam em € 81.849 mil para o Panamera Diesel. O Panamera S sai por € 101.841 mil e o Panamera 4S, por € 107.196 mil. O Panamera Turbo será vendido por € 145.990 mil e o Panamera Turbo Executive, por € 163.364. Já o Panamera híbrido custará € 110.409 mil e será apresentado no Salão de Xangai, a partir de 21 de abril.



Tags: Porsche, Panamera, híbrido, motor elétrico.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência