Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Combustíveis | 07/05/2013 | 20h34

Brasil terá sua primeira usina de etanol celulósico

BNDES aprova empréstimo de R$ 300 milhões para unidade que será construída em Alagoas

AGÊNCIA BRASIL

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou na terça-feira, 7, a aprovação de empréstimo no valor de R$ 300 milhões para a construção da primeira usina de etanol de segunda geração no Brasil. A obra será construída pela empresa Bioflex Agroindustrial, do grupo GranInvest, no município de São Miguel dos Campos, em Alagoas. O empreendimento será o segundo do tipo no mundo, de acordo com informação da assessoria de imprensa do banco.

O projeto faz parte do Programa de Apoio à Inovação Tecnológica Industrial dos Setores Sucroenergético e Sucroquímico (Paiss), criado pelo BNDES em parceria com a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), do Ministério da Ciência , Tecnologia e Inovação, em 2011. Seu objetivo é apoiar o desenvolvimento, a produção e a comercialização de inovações tecnológicas destinadas ao processamento de biomassa gerada a partir da cana-de-açúcar.

A unidade terá capacidade de produção de 82 milhões de litros por safra. O etanol de segunda geração dará maior sustentabilidade ao etanol produzido no Brasil, avalia o banco. A expectativa é que ele contribua para elevar a atual produtividade industrial do etanol em até 45%, atingindo em torno de 10 mil litros por hectare.

O etanol de segunda geração, também chamado etanol celulósico, é produzido a partir de resíduos agrícolas, como o bagaço da cana, palhas e outros tipos de biomassa vegetal.

Com o anúncio, o total de operações aprovadas no âmbito do Paiss sobe para R$ 2 bilhões. Ao todo, foram selecionados pelo programa 35 projetos voltados para o desenvolvimento e produção de etanol celulósico e de produtos químicos derivados da biomassa da cana. Eles representam investimentos superiores a R$ 3 bilhões, segundo o BNDES.



Tags: BNDES, etanol, usina, cana-de-açúcar, biomassa, Bioflex Agroindustrial.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência