Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Negócios | 28/06/2013 | 17h35

Sergipe pode ter fábrica de híbridos e elétricos

Amsia Motors planeja investir R$ 1 bilhão

REDAÇÃO AB

A Amsia Motors, montadora chinesa de veículos financiada por grupo da Arábia Saudita, assinou na tarde da quinta-feira, 27, protocolo de intenções para instalação de uma fábrica de veículos híbridos e elétricos em Sergipe com investimento de R$ 1 bilhão, valor que poderá ser financiado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), do Banco do Brasil e da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).

A planta deverá ser construída em até 14 meses no município de Barra dos Coqueiros, na região metropolitana de Aracaju, em terreno próximo ao Parque Eólico do Estado. Cerca de 4 mil empregos diretos poderão ser gerados. A companhia fabricará inicialmente carros de passeio, mas não descarta a produção de ônibus e implementos agrícolas no futuro.

O presidente da Amsia Motors, Mustafa Zeauddin Ahmed, e o governador de Sergipe, Jackson Barreto, assinaram o protocolo para esta que promete ser a primeira montadora de Sergipe. O principal acionista da empresa, o príncipe da Arábia Saudita Abdul Rahman bin Faisal al Saud, também participou da cerimônia de assinatura, que aconteceu no Palácio-Museu Olímpio Campos, em Aracaju.

Segundo informações do governo sergipano, a Amsia é especializada em veículos movidos a energia verde (basicamente elétricos e híbridos) e fabrica atualmente automóveis, motocicletas, máquinas agrícolas, caminhões, e ônibus para 18 países do oriente médio e norte da África e tem projetos na França e na Itália. Produz também carros em regime de joint venture com 26 empresas, entre elas a DFM (uma das maiores produtores da China), BrillianceAutGrop, JimBay Auto (China), Chong Tong (China), Cummins (Estados Unidos), Deutz (Alemanha). Com as parceiras, entrega 1,7 milhão de automóveis por ano e soma vendas de cerca de US$ 30 bilhões.

“Sergipe assumirá uma posição de vanguarda na indústria automobilística com a produção de veículos não poluentes”, salientou o governador Jackson Barreto, ao contextualizar a importância do empreendimento na atração de outras empresas e investidores para o Estado. Se sair do papel, a planta será vizinha da Yazaki, que fabrica chicotes elétricos para veículos, e da Saint-Gobain, de vidros-automotivos, ambas empresas que começaram a operar em 2013 no Estado.

O presidente da Amsia enfatizou o objetivo da empresa em atuar como uma empresa genuinamente brasileira. “Não queremos ser uma empresa estrangeira instalada aqui, queremos ser uma empresa brasileira e comprometida com o futuro de Sergipe e do Brasil. Nossos veículos ostentarão o nome e a bandeira brasileira.”

Com a fábrica próxima ao porto de Sergipe, a empresa pretende abastecer os mercados da América do Sul e parte da América Central. O Estado também poderá abrigar a central de operações da Amsia no País.



Tags: Amsia Motors, Sergipe, fábrica, híbridos, elétricos, investimento.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência