Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Eventos | 10/09/2013 | 19h02

Salão de Elétricos começa em São Paulo

Evento simultâneo a congresso ocorre até o dia 12; Renault levou Twizy para test drive

MÁRIO CURCIO, AB

Ocorre até o dia 12 deste mês no pavilhão amarelo do Expo Center Norte o 9º Salão de Veículos Elétricos, Componentes e Novas Tecnologias. Organizado pela Mes Eventos, a feira tem entrada gratuita, reúne 40 expositores e ocorre simultaneamente ao Congresso de Veículos Elétricos. Mais que os já conhecidos Nissan Leaf e Toyota Prius, é possível ver de perto um Lexus híbrido e quatro diferentes Renault com propulsão 100% elétrica: Fluence, Kangoo, Zoe e Twizy. Este último, um compacto para duas pessoas, pode ser dirigido num pequeno espaço de cerca de 300 metros quadrados.

O Zoe, um hatchback, já teve 6 mil unidades vendidas na Europa em 11 países diferentes. No Brasil, a Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) adquiriu uma unidade e também um Kangoo para testes. A companhia também é uma das expositoras do Salão. “Até o fim do ano compraremos mais seis veículos elétricos. A CPFL investirá R$ 6,5 milhões em seu Projeto de Mobilidade Elétrica no primeiro ano. Esse valor não é estanque e poderá aumentar”, afirma o gerente do projeto, Vasco Vilela.

A fabricante Eletra, em parceria com a Mercedes-Benz, levou à feira o ônibus HíbridoBR, que conta com duas fontes de energia: o motor elétrico, responsável pela movimentação do ônibus, e o propulsor a diesel, que além de ser menor que o aplicado a um veículo similar, opera em rotação constante. Isso reduz a emissão de poluentes, pois nas acelerações é o motor elétrico que atua.

Um banco de baterias tracionárias complementa a energia disponível para o motor elétrico, quando necessário. Em cada parada, seja para entrada ou saída de passageiros ou nos semáforos, o grupo motor gerador recarrega as baterias por frenagens regenerativas. As baterias são fabricadas no Brasil pela Moura.

A fabricante de componentes TE Connectivity, que fornece itens para as montadoras de automóveis instaladas no Brasil, está mostrando no salão aquilo que ela tem no exterior para carros elétricos. Segundo o coordenador de marketing de produto da companhia, Wilson Nogueira, o objetivo é mostrar aos fabricantes de trólebus e de outros veículos elétricos nacionais o que já existe lá fora.

Outros nomes conhecidos na cadeia automotiva estão na feira, a fabricante de baterias Moura e a Weg, que produz motores elétricos. Passam de dez os expositores de motonetas, bicicletas e triciclos elétricos.

CONGRESSO

O Congresso de Veículos Elétricos ocorre entre os dias 11 e 12, das 9 às 17 horas, com 13 painéis. Entre os nomes confirmados estão Jayme Buarque de Hollanda, coordenador do congresso e presidente do conselho diretor da Associação Brasileira de Veículos Elétricos (ABVE); Manuel Oliveira, diretor regional na América latina do C40; Antônio Prataviera Calcagnotto, vice-presidente da Anfavea e diretor de relações institucionais, governamentais e SER-DRI da Renault-Nissan; Ronaldo Mazará Júnior, diretor do SAE Brasil; e Ricardo Takahira, membro do conselho diretor da ABVE, entre outros.



Tags: Elétricos, híbridos, Salão de Veículos Elétricos, Componentes e Novas Tecnologias, Congresso de Veículos Elétricos, Fluence, Kangoo, Zoe e Twizy, CPFL, TE Connectivity.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência