Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Mercedes-Benz confirma investimento de € 170 milhões em Iracemápolis (SP)
A partir da esquerda: Philipp Schiemer, CEO da Mercedes-Benz no Brasil, Andreas Renschler, diretor de aquisições da companhia, são recebidos em Brasília pela presidente e pelo ministro Fernando Pimentel, do MDIC

Negócios | 01/10/2013 | 15h36

Mercedes-Benz confirma investimento de € 170 milhões em Iracemápolis (SP)

Nova geração do Classe C e do SUV compacto GLA serão produzidas na nova planta

ALEXANDRE AKASHI, PARA AB

Está confirmado: a nova fábrica da Mercedes-Benz voltada à produção de automóveis no Brasil será em Iracemápolis, em São Paulo, na região de Limeira, a cerca de 150 quilômetros da capital. O investimento na planta será de € 170 milhões (em torno de R$ 500 milhões) para a produção da nova geração do sedã Classe C e do SUV compacto GLA. A companhia admitiu ainda a possibilidade de, no futuro, desenvolver para o mercado nacional o primeiro carro da companhia com motor flexível.

O projeto foi anunciado na manhã da terça-feira, 1º, para a presidente Dilma Rousseff, que recebeu Andreas Renschler, membro da diretoria de gestão de produção e aquisições da Mercedes-Benz Automóveis e Vans, e Philipp Schiemer, CEO da organização no Brasil e da Daimler América Latina. No encontro, os executivos assinaram documento que formaliza o investimento no País.

Segundo os dirigentes da organização, a decisão de iniciar produção local é parte da estratégia global da companhia para atingir a liderança do segmento de veículos premium em 2020. Além disso, a fábrica nacional dá à marca melhores condições para competir no mercado interno com suas principais concorrentes: BMW e Audi. As duas empresas também anunciaram recentemente a instalação de plantas nacionais.

Os primeiros veículos devem sair da linha de montagem no início de 2016. A capacidade produtiva será de 20 mil carros por ano. A companhia projeta que a nova planta gere cerca de mil empregos diretos, além de outros três mil indiretos. O grupo aponta que a Mercedes-Benz do Brasil finalizará em breve a compra do terreno para começar a construir a fábrica.

A escolha da propriedade que abrigará a planta foi assessorada pela Investe São Paulo, agência de fomento ao investimento do governo do Estado. O terreno tem 2,4 milhões de metros quadrados, dos quais 200 mil metros quadrados serão ocupados pelo prédio que abrigará as linhas de montagem da Mercedes-Benz. O aporte da companhia foi disputado também por Minas Gerais e Santa Catarina.

Após encontro com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin para formalizar o investimento, a fabricante de carros premium apontou que não pretende trazer novos fornecedores para o Brasil. O objetivo é aproveitar as empresas já instaladas no País, principalmente aquelas com quem a Mercedes-Benz já tem relacionamento em outros países. A proximidade de uma série deles talvez tenha sido o fator que deu a vantagem para o Estado na escolha do local da planta.

Com o investimento, a Mercedes-Benz poderá se habilitar no Inovar-Auto como investidora. A fábrica de automóveis da marca vai se enquadrar na categoria do novo regime automotivo para empresas de baixo volume, com capacidade produtiva de até 35 mil unidades por ano e índices de nacionalização menores do que os previstos para plantas de grande produção. Os planos de investimento da BMW e da Audi se encaixam nessa mesma categoria do novo regime automotivo.

Inscrita no Inovar-Auto como investidora e enquanto a nova fábrica não entra em operação, a companhia deverá receber cota para trazer do exterior até 10 mil veículos por ano sem o adicional de 30 pontos no IPI. O volume corresponde à metade da capacidade produtiva esperada para a planta. Pelas regras do programa, metade desse volume, 5 mil veículos, entra no País sem a alíquota majorada. Para importar a outra metade, a empresa precisa pagar a tributação adicional, que será recuperada quando a planta nacional entrar em atividade.

Assista à entrevista exclusiva com Philipp Schiemer, CEO da Mercedes-Benz Brasil:



Tags: Mercedes-Benz, investimento, fábrica, automóveis, Iracemápolis, Inovar-Auto.

Comentários

  • Suleide

    Muito bom, isso dará um Up para a cidade e para a Região, pois temos muitos Fornecedores no segmento Automotivo.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência