Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Fiat Strada 2014 está chegando às revendas
Terceira porta tem abertura invertida e eliminou coluna central

Lançamentos | 16/10/2013 | 01h45

Fiat Strada 2014 está chegando às revendas

Montadora espera aumentar as vendas da picape compacta em 10% a 20%

MÁRIO CURCIO, AB | De Comandatuba (BA)

Chega às revendas Fiat na próxima semana a picape Strada 2014. As mudanças na gama permitiram ganho de produção e a empresa quer ampliar ainda mais esses volumes em 10% a 20%. “Tudo o que fazíamos antes era vendido, mas estamos ampliando a capacidade. Queremos passar de 600 para 700 unidades por dia”, afirma o diretor comercial da Fiat, Lélio Ramos, que não soube informar o volume investido para isso. A média mensal de vendas da picape este ano passa de 10,6 mil unidades.

A principal novidade da linha 2014 é a terceira porta com abertura invertida, aplicada na cabine dupla, opção presente em todas as versões: Working, R$ R$ 42.330, Trekking 1.6, R$ 48.360, e Adventure 1.8, R$ 54.360. “A cabine dupla responde por 50% das vendas; a curta tem 30% e a estendida, 30%”, explica Ramos. Quando se trata de versões, a linha Working detém 55%, a Adventure, 35%, e a Trekking, 10% (veja no fim da reportagem a lista de preços de todas as versões).

Chama atenção a ausência da coluna entre as duas portas, o que facilita o acesso dos passageiros: “Desde o início, nos anos 1990, a Strada foi pensada para ver versátil. É um veículo comercial com conforto de automóvel e seus donos gostam de exibi-la”, afirma o diretor de design de produto da Fiat Chrysler, Claudio Demaria. “A linha 2014 tem 300 componentes novos”, ressalta. A maioria dessas alterações ocorreu na carroceria.

A picape teve mudanças no desenho dianteiro e a traseira de todas as versões mudou bastante por causa das caçambas, que tiveram sua altura aumentada em oito centímetros, da tampa mais bojuda e das lanternas, agora horizontais. Segundo a Fiat, o compartimento de carga da cabine curta leva agora 1.220 litros (120 a mais), a estendida, 910 litros (110 a mais) e a dupla, 680 litros (100 a mais). A nova cabine dupla recebeu reforços no teto, na base e nas portas para resistir a impactos laterais. “A instalação da terceira porta resultou em aumento de dez quilos no peso total do carro”, afirma Demaria. “Está melhor na rigidez torcional, flexional e no crash test”, diz. Segundo a Fiat, o projeto evoluiu em 15 meses e consumiu 600 mil horas de engenharia e design, envolvendo 250 pessoas. Os testes de rodagem somaram 1 milhão de quilômetros. “A Strada representa bem o DNA de inovação da Fiat e foi 100% desenvolvida no Brasil”, recorda o presidente da Fiat Chrysler para a América Latina, Cledorvino Belini.

Embora tenha passado por várias modificações desde o lançamento, em 1998, e recebido novas opções de carroceria, a Strada ainda conserva a mesma plataforma. A cabine estendida surgiu em 1999 e permitiu que a picape Fiat tomasse a liderança da Volkswagen Saveiro em 2000. De lá para cá nunca mais saiu do topo do ranking.

“Ela teve mais de 910 mil unidades vendidas no Brasil e detém 51,1% de participação no segmento”, recorda Lélio Ramos. Em 2014 a nova picape passa a ser exportada para os principais mercados da América Latina, inclusive no México.



Em sentido horário, a partir do alto, à esquerda: versões Working 1.4 e Trekking 1.6, nova cabine estendida com as portas abertas e painel da Adventure 1.8

ACESSÓRIOS MOPAR EXCLUSIVOS

Pertencente ao Grupo Fiat Chrysler, a marca Mopar fornece para a Fiat Strada mais de 40 acessórios. Eles foram desenvolvidos simultaneamente à linha 2014 da picape e vão de navegadores GPS e DVD players a um interessante extensor de caçamba, que serve para ampliar o volume de carga e também permite o transporte de uma moto. O preço sugerido é de R$ 1.459. Desmontado, serve como rampa para a motocicleta.


Extensor de caçamba tem suporte para placa, iluminação e preço sugerido, segundo a Fiat, de R$ 1.459

TRÊS VERSÕES, TRÊS MOTORES E SEIS OPÇÕES

Como já ocorria na linha anterior, a versão Working, a mais acessível, é equipada com motor Fire 1.4 flex. Tem duas válvulas por cilindro e produz até 86 cv de potência quando abastecido com etanol. A Working é a única versão com os três tipos de cabine. Seus preços foram reajustados entre 2,5% e 3,8% por causa da aplicação de freios ABS e airbags.

O segundo degrau em acabamento é a Trekking, que na linha 2014 está disponível apenas com cabine dupla. Seu motor é o 1.6 E-torQ flex, com quatro válvulas por cilindro e até 117 cv com álcool. Ficou 3,9% mais cara basicamente pelo acréscimo do ar-condicionado e da terceira porta. Como novidade, conta agora com o Locker, bloqueio do diferencial.

A linha Adventure, mais completa, utiliza o 1.8 E-torQ, também flex e com quatro válvulas por cilindro. Produz até 132 cv com etanol. Está à venda com cabine estendida ou dupla. Seus preços subiram entre 1% e 2,2% por causa da renovação da linha.

DESEMPENHO E DIRIGIBILIDADE

Como não houve mudança nos motores e suspensões, as picapes continuam com o mesmo jeitão para quem dirige. Automotive Business avaliou em trecho plano do litoral baiano duas versões, uma Working cabine estendida e uma Adventure cabine dupla. A primeira, com motor 1.4, exige mais o uso do câmbio na estrada. As retomadas são razoáveis com a caçamba vazia. Segundo a Fiat, ela alcança 164 km/h e vai de zero a 100 km/h em 13,2 segundos.

O desempenho da Adventure é bem melhor: 179 km/h de velocidade máxima e aceleração de zero a 100 km/h em 10,3 segundos. A linha Adventure usa grandes pneus Pirelli Scorpion 205/60 R16, que dão alguma agilidade na terra e garantem conforto, mas roubam agilidade da picape em curvas.

A versão Trekking também é equipada com pneus de uso misto, mas eles têm as mesmas medidas (175/70R14) daqueles usados pela Working. De acordo com a montadora, a Trekking atinge 178 km/h e acelera de zero a 100 km/h em 9,7 segundos. Os valores de desempenho citados na reportagem foram obtidos pela fabricante com etanol.

NOVA LISTA DE PREÇOS DA FIAT STRADA

Working cab. curta – R$ 33.750 (+3,8%)
Working cab. estendida – R$ 36.870 (+3,4%)
Working cab. dupla – R$ 42.330 (+2,5%)
Trekking cab. dupla – R$ 48.360 (+3,9%)
Adventure cab. Estendida – R$ 49.480 (+1%)
Adventure cab. Dupla – R$ 54.360 (+2,2%)



Tags: Fiat, Strada, cabine dupla, terceira porta, impactos laterais, Working, Trekking, Adventure.

Comentários

  • israel alves dos santos

    este e o carro do momento que todo brasileiro gostaria de possuir,com esse novo design bem confortável painel diferenciado abertura de portas modificadas incrível. Ta de parabéns os directores enfim toda equipe que faz parte da FIAT.

  • guilherme jordano

    Ficaram lindas e ótimas, o problema é o tempo de espera para conseguir uma, a fiat demora a entregar a strada.

  • Almir

    Realmente a Strada ficou muito melhor, a tal ponto que me motivou a comprar uma Strada Adventure completássemos. Estou anciloso para receber o veículos e testar de fato. Parabéns ao núcleo de criação da Fiat envolvidos neste projeto.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência