Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Balanço | 30/10/2013 | 20h10

Fiat Chrysler fatura apenas 1% a mais do que em 2012

Grupo revisou as projeções para baixo; espera receita € 88 bilhões em 2013

REDAÇÃO AB

A Fiat SpA, holding que reúne as operações de automóveis, comerciais leves e autopeças do grupo Fiat Chrysler, informou na quarta-feira, 30, que acumula de janeiro a setembro deste ano lucro operacional de € 2,46 bilhões. O faturamento do grupo alcançou € 62,8 bilhões, o que representa alta de apenas 1% em termos nominais em relação ao mesmo período do ano passado e de 5% a taxas de câmbio correntes. As vendas das marcas de luxo contribuíram para a leve alta do grupo: cresceram 18%, para € 2,5 bilhões, impulsionadas pela Maserati.

TRIMESTRE

Somente no período de julho a setembro, a Fiat Chrysler atingiu lucro líquido de € 189 milhões, superior ao de mesmo período de 2012, com um caixa de € 20 bilhões.

O lucro operacional do grupo no trimestre somou € 816 milhões. Segundo a Fiat, não foi maior porque foi fortemente impactado por taxas de câmbio desfavoráveis e retração de vendas em mercados localizados.

A receita obtida no terceiro trimestre foi de € 20,7 bilhões de 2013, alta de 1,4% em relação ao ano anterior e de 8% sem considerar os efeitos do câmbio.

A Fiat Chrysler conseguiu vender cerca de 1 milhão de automóveis, em linha com o ano anterior, com aumento significativo de 73% na região Ásia-Pacífico, de 4% na Europa, Oriente Médio e África, e volumes estáveis nos EUA, Canadá e México. As marcas de luxo registraram um forte aumento no terceiro trimestre, sendo que a Maserati mais do que dobrou sua performance em relação ao ano anterior.

PERSPECTIVAS PARA 2013

Baseado no resultado dos nove primeiros meses de 2013, o grupo revisou suas projeções para baixo. Acredita que o seu lucro líquido se aproximará de € 1,2 bilhão, ante € 1,5 bilhão estimados anteriormente ou o equivalente a € 1,3 bilhão a taxas de câmbio correntes.

O lucro operacional estimado é de € 3,5 bilhões a € 3,8 bilhões, ante € 4 bilhões a € 4,5 bilhões projetados anteriormente ou o equivalente a € 3,7 bilhões a € 4,2 bilhões de acordo com as taxas de câmbio correntes.

A receita total de 2013, segundo as expectativas dos executivos do grupo, deverá girar ao redor de € 88 bilhões, ante € 92 bilhões previstos anteriormente ou o equivalente a € 88 bilhões a taxas de câmbio correntes.



Tags: Fiat, Chrysler, balanço, Fiat SpA.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência