Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Negócios | 21/11/2013 | 18h30

Iveco vende 23 caminhões ao Grupo MRJS

Foram adquiridos 20 Stralis Ecoline, dois Daily e um Stralis Hi-Way

REDAÇÃO AB

A Iveco vendeu 23 caminhões para o Grupo MRJS, operador logístico do Espírito Santo especializado na armazenagem e transporte de cargas. A empresa adquiriu 20 Stralis Ecoline de 400 cavalos, duas Daily 70C17 e um Stralis Hi-Way, o primeiro adquirido no estado capixaba.

Esta é a primeira vez que o Grupo MRJS, que tem 100 caminhões na sua frota, opta pela marca Iveco. A parceria entre as empresas teve início em março de 2013. “O modelo pesado Stralis nos surpreendeu com a melhor média de consumo da categoria e agora vamos fechar o ano com 22 veículos já em operação”, conta Júnior Ribeiro, diretor executivo da MRJS. A concessionária Bonno é a responsável pelo atendimento do grupo.

Segundo o executivo, os modelos Stralis Ecoline completam a rota Espírito Santo – Distrito Federal pela rodovia BR 262 diariamente, carregados com 18 toneladas e alcançam a média de 3,01 km/litro. “Além de econômico, é um caminhão que já vem completo e oferece o máximo conforto aos nossos motoristas, com ar condicionado, entre outros itens importantes para o nosso dia a dia. Hoje não abro mão dessa parceria”, completa Ribeiro.

O primeiro Iveco Hi-Way vendido em Espírito Santo será utilizado para transporte de medicamentos e percorrerá 15 mil quilômetros/mês, partindo dos estados do Sudeste em direção ao Centro-Oeste até chegar nos estados do Nordeste e Norte do País. Já os comerciais leves Daily 70C17 serão usados na unidade Recife da empresa na operação de entregas urgentes.



Tags: Iveco, MRJS, venda, Stralis Ecoline, Daily, Stralis Hi-Way.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência