Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Negócios | 28/03/2014 | 15h24

Iveco entrega caminhão por renovação de frota

Primeiro modelo vendido pelo programa em Minas Gerais é um Stralis

REDAÇÃO AB

O primeiro caminhão a ser vendido por meio do programa de renovação de frota de Minas Gerais é um Iveco Stralis: a venda foi feita pela concessionária Deva Veículos, de Belo Horizonte, para a empresa Waldir Transportes, e será utilizado para o transporte de longa distância, com cargas de porcelanato da região de Florianópolis (SC) para a capital mineira.

Com o objetivo de fomentar a aquisição de caminhões novos, o programa estadual isenta o comprador do pagamento de IPVA por dez anos. Também serão isentos da taxa de licenciamento no primeiro ano e da taxa de baixa no caminhão antigo. Podem participar proprietários de veículos com mais de 30 anos de utilização e com unidades emplacadas até 21 de outubro de 2013 no estado.

“A renovação da frota beneficia transportadores, meio ambiente e sociedade, oferecendo maior segurança e fluidez no trânsito. Para a Iveco, é um grande privilégio dar o pontapé inicial dessa iniciativa em Minas Gerais, o estado em que a empresa investe constantemente desde sua chegada ao Brasil, em 1997”, comenta Alcides Cavalcanti, diretor comercial da Iveco.

De acordo com dados do governo mineiro, circulam algo como 94 mil veículos com mais de 30 anos no estado. A expectativa é de renovação de 10% a 15% dessa frota a cada ano. “A Iveco tem uma linha completa de soluções, que começam nos semileves e vão até os extrapesados. São veículos que atendem as expectativas do governo, pois são modernos, confiáveis e utilizam tecnologias que permitem um consumo reduzido de combustível, o que resulta na emissão de menos gases na atmosfera”, conclui Cavalcanti.



Tags: Iveco, Stralis, renovação de frota, Minas Gerais, IPVA.

Comentários

  • Francielly Ferreira

    Isso é um absurdo, as empresas terem preferencia. Sempre é assim nesse país, os empresários tem preferencial em tudo. Tenho acompanhado esse programa desde que ele era apenas um projeto, passei por uma saga para conseguir informações. E ninguém sabia informar nada. A ultima informação que tive foi que haveria uma reunião para acertar os últimos detalhes e que sairia uma publicação a respeito. Até agora nada. Agora entro nesse site e vejo que o primeiro caminhão já foi vendido e para uma empresa. Como assim? Não estavam acertando os últimos detalhes? É revoltante, espero que esse programa não seja mais um para engordar os bolsos dos empresários.

  • Luiz Otávio

    Muito bom a iniciativa do governo.Mas, não adianta dar incentivos como esse se não facilitar os requisitos para o motorista que é autônomo financiar o caminhão.Tenho 1 caminhão de 1967 e estou encontrando dificuldades para fazer o financiamento, porque, não basta ter o nome limpo, agora temos também o score( que é uma pontuação que o serasa dá as pessoas através de histórico de compra e pontualidade para pagar usas contas ) nele temos que ter uma pontuação alta porque se não for assim não consegue o financiamento."Especialistas" dizem que uma pontuação boa seria em torno de 800 a 900 pontos e eu só tenho 691.Ou seja tenho o nome limpo uma pontuação razoável e mesmo assim meu sonho não pode ser realizado.Uma pena.

  • Maurino

    sou carreteiro possuo um caminhão volvo 1984 e gostaria de saber mais informações sobre esse plano de renovação em Minas Gerais.Qual o primeiro passo, onde devo procurar, e documentação necessaria?

  • Sérgio victor de sena

    esse programa seria muito bom. se fosse verdade. isso é coisa pra Dilma se reelege. isso é programa politico, quem vai da credito para o caminhoneiro autônomo? o governo? nunca vai acontecer isso . quem financia bens são os bancos. e banco não faz mada sem juros altos. esse programa ja esta ai. ja existi, é o pro caminhoneiro. agora. vai comprar caminhão, nesse plano. tente! é uma burocracia. enfim eu nao dou meu caminhão velho de graça, em troca de um novo . ja que o meu caminhao velho esta pagando um caminhão novo, que só min deu dor de cabeça. ainda estar dando ! enfim boa sorte a todos.

  • Marcelo Luis

    Olá,gostaria de saber mais detalhes sobre este programa,tenho um caminhão ano 1981 e fiquei empolgado com a noticia.Mas é uma pena mesmo todos os programas de governo e financiamentos em geral só darem prioridade para os empresários e empresas de transportes,enquanto isso os caminhoneiros autônomos sofrem na estrada com seus velhos caminhões....Como que funcionará este programa,no caso de um caminhoneiro autônomo como eu,como devo fazer?...e no caso para financiar um caminhão novo,o financiamento será de 100%?..quanto tempo??....Haverá carência.....são informações que todo mundo gostaria de saber!

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência