Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Leves | 11/04/2014 | 17h42

Duster alcança 1 milhão de unidades produzidas no mundo

Vendido sob as marcas Renault e Dacia, SUV é fabricado em 5 países

REDAÇÃO AB

Após quatro anos desde o seu lançamento global, o Duster, SUV das marcas Renault e Dacia, alcançou a marca de 1 milhão de unidades produzidas. O modelo que completou o volume saiu da linha de montagem do complexo industrial Ayrton Senna, localizado em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba (PR). Além do Brasil, o Duster é montado em mais quatro fábricas: Pitesti (Romênia), Envigado (Colômbia), Moscou (Rússia) e Chennai (Índia) e vendido em mais de cem mercados.

O modelo começou a ser fabricado primeiro na fábrica de Pitesti (Romênia), em 2010, sob a marca Dacia, para vendas na Europa, Turquia e Magrebe, onde também é fabricado sob a marca Renault desde junho de 2010 para mercados do Oriente Médio, Egito e outras partes da África, além de países do Golfo a partir de 2011.

No Brasil, é fabricado sob a marca Renault desde outubro de 2011 para vendas aqui e no mercado argentino. A fábrica de Envigado (Colômbia) monta o Duster desde fevereiro de 2012 e vende para o mercado doméstico, México, Equador, Chile, Peru e América Central. Sua produção em Moscou, na Rússia, começou em dezembro de 2011 para vendas apenas naquele mercado. Chennai foi a última fábrica a iniciar sua produção, em maio de 2012, para oferta-lo à Índia, África do Sul e Indonésia sob a marca Renault, além do Reino Unido, Chipre, Malta e Irlanda sob a marca Dacia.

Em 2013, as vendas do Duster somaram 376 mil unidades. Considerando suas vendas, a Rússia lidera o ranking, com mais de 151,6 mil unidades entregues pela Renault desde seu lançamento. A França vem em segundo, com 145,6 mil unidades vendidas pela Dacia, seguida pelo Brasil, com 117,3 mil unidades. Índia e Alemanha acumularam 85,9 mil e 70,1 mil Duster vendidos em quatro anos.

“O Duster é um grande sucesso mundial. Sob a marca Renault, ele responde perfeitamente às expectativas de nossos clientes internacionais e contribui para o desenvolvimento da Renault nos mercados emergentes. Sob a marca Dacia, na Europa ou na Bacia do Mediterrâneo, o Duster conquistou novos clientes para a marca graças ao seu design e sua grande capacidade de superação, com um preço bastante acessível. O Duster é uma peça-chave na conquista de mercado” explica Arnaud Deboeuf, diretor do segmento de veículos de entrada do Grupo Renault.



Tags: Duster, Renault, Dacia, SUV, complexo industrial Ayrton Senna.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência