Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Eventos | 22/04/2014 | 11h09

Marchionne confirma produção de Jeep na China

Anúncio foi feito na abertura do Salão de Pequim, que vai até 29 de abril

REDAÇÃO AB

Na abertura do Salão de Pequim, que teve início no dia 21 e ocorre até 29 de abril, o Fiat Group Automobiles S.p.A., o Chrysler Group International LLC e o Guangzhou Automobile Group Co., Ltd. (GAC Group) anunciaram acordo para expandir a parceira já existente. Com isso, a joint venture GAC Fiat começará a produzir três modelos Jeep para o mercado chinês, expandindo o leque de utilitários esportivos Jeep disponíveis para os consumidores chineses. Atualmente, há apenas modelos importados.

A produção tem início previsto até o fim de 2015 e um veículo desenhado especificamente para a China já é considerado. “Esse anúncio representa o capítulo seguinte na utilização apropriada e expansão em escala global da marca Jeep”, afirma o CEO da Fiat S.p.A. e chairman e CEO do Chrysler Group LLC, Sergio Marchionne.

A Jeep levou quatro carros-conceito na mostra da capital chinesa. Segundo a fabricante, os modelos incluem elementos de design inspirados na história e cultura da China, assim como na moda e tendências que se observam em cidades como Xangai e Pequim.

"O Salão de Pequim é o cenário perfeito para avaliar como os consumidores reagem a esses conceitos inspirados pela cultura chinesa e que talvez sejam vendidos no futuro”, diz disse Mike Manley, diretor de operações para região Ásia-Pacífico e presidente e CEO da Jeep. O Wrangler Dragon, por exemplo, foi mostrado no evento em 2012 como conceito e hoje é vendido na China, Austrália, Estados Unidos e Porto Rico.

Depois da recente estreia mundial nos salões de Genebra e Nova York, o novo Renegade agora surge como um modelo especial em Pequim, o Zi You Xia (lê-se "dgi iussiá"), ou rebelde em mandarim. O conceito explora um aspecto mais sofisticado do Jeep Renegade. Inspirado nas cores do Centro Nacional de Artes Cênicas de Pequim, o veículo é cinza-chocolate com acabamentos de bronze anodizado na grade, molduras dos faróis de neblina, parte inferior do para-choque, logotipo e nas grandes rodas de 20 polegadas.

Completam o quarteto de conceitos o Wrangler Sundancer e o novo Cherokee (que chega ao Brasil no segundo semestre) em duas visões diferentes, o mais fora de estrada Sageland e o Urbane.

Jeep
Em sentido horário, a partir do alto, à esquerda, a traseira do Renegade Zi You Xia, o Wrangler Sundancer e os Cherokee Sageland e Urbane.

Em 2013, a Jeep teve mais de 731 mil unidades vendidas em todo o mundo, alta de 4% sobre o ano anterior. Só na China o crescimento foi de 29%. Em março a marca Jeep estabeleceu recorde mensal, com quase 85 mil veículos vendidos em todo o mundo. A China é o maior mercado para a Jeep fora dos Estados Unidos, com quase 60 mil unidades vendidas em 2013.



Tags: Fiat, Jeep, Guangzhou Automobile Group, GAC Group, Sergio Marchionne, Mike Manley.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência