Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Tecnologia | 18/07/2014 | 15h47

Ford testa novo conceito de ''vidro'' mais leve

Material combina resina de policarbonato com revestimento de plasma

REDAÇÃO AB

Dentro de seu projeto de veículos multimateriais, a Ford vem testando um conceito Fusion equipado com janela traseira fabricada em policarbonato, desenvolvido pela Sabic, que reduziu o peso em 35% com relação a janela de vidro utilizada no modelo oferecido ao mercado, versão 2013. A redução é equivalente a 3,4 quilos, apesar de a janela traseira ser um milímetro mais espessa do que a convencional produzida atualmente.

O projeto foi desenvolvido em conjunto com o programa de tecnologias de veículos do Departamento de Energia dos Estados Unidos e a Cosma International, subsidiária da Magna, com o objetivo de exemplificar soluções para a redução de peso no longo prazo.

A tecnologia de policarbonato utilizada na janela traseira combina uma resina de policarbonato, caracterizado por seu peso leve, transparência e resistência ao impacto, com revestimento de plasma, o que dá textura e aparência mais próxima ao vidro e resistência aos raios ultravioletas. Segundo a Sabic, o revestimento foi projetado para oferecer alto nível de resistência às intempéries e resistência à abrasão durante a vida útil do veículo e permitir que as montadoras atendam aos requisitos de homologação quanto à visibilidade do condutor, inclusive as normas vigentes nos Estados Unidos.

"A Sabic está comprometida com a difusão e adoção da tecnologia de vidros automotivos transparentes de policarbonato, que oferece benefícios em termos de estética e de redução de peso para ajudar a aumentar a eficiência no consumo de combustível e reduzir as emissões. Até o momento, várias fabricantes já validaram a tecnologia para uso em janelas automotivas, tanto para a parte traseira quanto para os tetos de veículos em produção”, disse Scott Fallon, gerente geral do segmento automotivo da divisão Innovative Plastics da Sabic, especialista em termoplásticos de engenharia.

De acordo com a fornecedora, a janela traseira do conceito da Ford é idêntica, em termos de geometria, à peça utilizada no Fusion em produção atualmente. O projeto permite que a montadora realize teste entre as duas peças e compare suas diferenças de desempenho com base estritamente na mudança dos materiais.

escrever



Tags: Ford, vidro, Sabic, policarbonato, peso, emissões.

Comentários

  • Ronald Ruthofer

    O Brasil já vem se preparando para este tipo de produto. A ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) por meio do CB 05 (Comitê Brasileiro Automotivo) tem em atividade um Grupo de Trabalho (GT 05:105.01/8) que está tratando deste tipo de envidraçamento. O PC (policarbonato) já está em uso no mercado nacional e internacional, aplicado na porção mais interna de vidros laminados de resistência balística. Com reuniões mensais, a participação junto ao GT é aberta às partes interessadas. A próxima reunião se dará em 22.07 junto ao Sindipeças. Informações junto a Secretraria do CB05: (11) 5096-2087

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência