Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Negócios | 22/08/2014 | 19h24

Continental cria divisão com foco em veículos inteligentes

Novas tecnologias sustentarão sistemas de transporte autônomos

REDAÇÃO AB

A Continental criou uma divisão com foco no desenvolvimento de novas tecnologias relacionadas à integração dos veículos em rede nos denominados ITS, Sistemas de Transporte Inteligente. Com sede no Vale do Silício, na Califórnia, Estados Unidos, a nova unidade de negócio reunirá especialistas da indústria automotiva e de TI e terá como líder de operação a executiva Seval Oz, especialista em veículos em rede e automação, que trabalhou no projeto do carro autônomo do Google, que dirige sozinho.

“Estou incrivelmente animada para levar a equipe da Continental na direção do desenvolvimento de serviços de engenharia de classe mundial. Nossa missão é melhorar dramaticamente a mobilidade e segurança por meio do estabelecimento de parcerias fortes, tanto na tecnologia e domínio automóvel”, disse Seval Oz.

A Califórnia é um dos poucos locais do mundo que autoriza a realização de testes livres de veículo com sistemas de direção autônoma.

O CEO da Continental, Elmar Degenhart, reforça a importância da nova divisão para a companhia: “Nossos principais objetivos incluem a eliminação de acidentes viários, minimizar o consumo de energia, aumentando o conforto e a facilidade do uso dos veículos, que lhes permite trocar informações uns com os outros em tempo real. A nossa nova equipe estará combinando conhecimento e criatividade necessários para esse tipo de inovação pioneira com os maiores especialistas do Vale do Silício em tecnologia digital aliada à experiência da Continental no desenvolvimento de soluções confiáveis para automóveis”, disse.

Para Helmut Matschi, membro do conselho executivo da Continental e presidente da divisão de interiores, o ITS é considerado essencial para o futuro da mobilidade ao fornecer a plataforma ideal para encontrar as soluções dos maiores problemas globais de transporte, como engarrafamentos, poluição e até acidentes por erro humano: “O ITS abre muitas oportunidades novas de negócios para a Continental. A nova unidade aumentará ainda mais a nossa competitividade nesse mercado”.

O conceito de veículos em rede consiste na comunicação instantânea com outros carros e com os sistemas de infraestrutura disponíveis, que abre uma gama de possibilidades para novas funções, incluindo a direção autônoma. Entre os objetivos, tornar a condução mais segura, confortável e limpa, por meio de aplicações inteligentes, que incluem o uso de dados - de outros veículos ou mesmo da infraestrutura local ou ainda da nuvem – para informar o motorista sobre os possíveis perigos ou obstáculos ao longo de seu percurso.

Para este fim, a Continental já firmou parcerias com empresas importantes, como a IBM, fornecedora de tecnologia de dados, Cisco, da área de soluções para redes e comunicações, e com a divisão da Nokia responsável pela área de mapas.



Tags: Continental, transporte inteligente, Vale do Silício, veículos, rede.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência