Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado | 24/09/2014 | 17h31

Quatro grandes perdem 15,8 pp em 10 anos

Em contrapartida, participação das novatas mais que dobrou no período

REDAÇÃO AB

Em dez anos, as quatro montadoras mais tradicionais no Brasil perderam 15,8 pontos porcentuais de participação. Em 2004, Fiat, Volkswagen, General Motors e Ford detinham juntas 81,66% do mercado, número que recuou para 65,85% nos dias atuais, considerando apenas automóveis e comerciais leves.

Em movimento oposto, marcas como Hyundai, Renault, e as japonesas Toyota, Honda e Nissan, que há dez anos somavam 11% de participação, detêm hoje 25,24%, mais que o dobro da fatia do mercado se comparado a 2004. “Durante muitos anos, poucas montadoras atuaram sem esforço de competição. Com a abertura do mercado, o nível concorrencial aumentou, as marcas novas chegaram com novas tecnologias, novas propostas, estruturas mais leves que têm como efeito agilidade de adaptar-se as preferências”, afirma o presidente da consultoria no Brasil, Gerardo San Roman.

“Aliado a esse cenário houve um grande crescimento do mercado que parece ter determinado seu tamanho natural e agora a luta vai expandir ou contrair a elasticidade do mercado. Sem dúvida, agora o setor automotivo é regido por estratégias mercado e não mais somente com o peso das marcas”, estima San Roman.

A análise da Jato também mostra a alta das marcas premium nos dez últimos anos. Em 2004, BMW, Mercedes-Benz, Audi, Land Rover, Volvo, Dodge, Mini, Jeep e Porsche tinham 1,23% de participação no mercado, que atualmente está em 1,87%, um crescimento de 52% nesta última década. A venda de carros de luxo caiu em 2012 com o aumento de 30 pontos percentuais no IPI do veículo de importados, mas aos poucos retoma o ritmo.

A consultoria prevê mais crescimento no setor premium por causa dos anúncios de novas fábricas para Audi, BMW, Chrysler, Mercedes-Benz e Land Rover.

Para ver o estudo completo da Jato, acesse aqui.



Tags: Gerardo San Roman, Jato Dynamics, Fiat, Ford, General Motors, GM, VW, Volkswagen, Audi, BMW, Hyundai, Renault, Toyota, Honda, Nissan, Land Rover, Dodge, Mini, Porsche.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência