Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Duas Rodas | 03/02/2015 | 16h30

Abraciclo concorda com 27% de etanol na gasolina

Fabricantes de motos juntaram-se à Anfavea em reunião com governo

REDAÇÃO AB

A Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo) concorda com a decisão do governo federal de adotar a mistura de 27% em vez de 27,5% de etanol anidro à gasolina nas formas comum e aditivada. A entidade também participou de reunião realizada em Brasília (DF), ao lado de outros fabricantes de veículos, produtores de etanol e representantes do governo federal.

Assim como a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), a indústria de motos ressalta a necessidade de testes de durabilidade capazes de detectar o desgaste de peças e componentes com a maior utilização do etanol na gasolina, a fim de obter uma avaliação mais precisa sobre os efeitos da nova mistura. A manutenção dos 25% de etanol anidro à gasolina premium também teve apoio da Abraciclo.



Tags: Abraciclo, motos, Anfavea, gasolina comum, gasolina aditivada, gasolina premium.

Comentários

  • João

    Mais uma vez estamos diante de um cenário muito preocupante, não é somente o aumento percentual da mistura do etanol na gasolina, acredito que o maior desafio é a fiscalização rigorosa sobre a mistura, bem como a qualidade do combustivel para o consumidor final.

  • Kurupira

    E como ficam os outros motores a gasolina, como roçadeiras, betoneiras, quadriciclos, moedeiras, geradores, etc ? Esses se dão mal, para variar, correto?

  • julio cesar

    Em um pais sério, as pessoas responsáveis por essa adulteração de combustivel (oficial), seriam presos por falsificação de produto. deveriamos ter bombas exclusivas para o combustivel gasoalcool, gasolina, e etanol....pelo menos saberiamos e teríamos opção.Imagina la no EUA, mistura alguma coisa no wiskie.!

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência