Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Lançamentos | 03/06/2015 | 13h20

Volkswagen promove mudanças no Fox 2016

Todos os 1.0 têm agora 3 cilindros; centrais multimídia estão mais interativas

REDAÇÃO AB

A Volkswagen fez algumas mudanças importantes na linha 2016 do Fox. De agora em diante, todas as versões 1.0 passam a utilizar o motor EA 211 de três cilindros, que produz até 82 cavalos com etanol e dispensa o tanquinho de gasolina para partida a frio. O ar-condicionado também foi adotado para todas as opções do carro. A versão mais em conta, Trendline 1.0, tem preço sugerido de R$ 42.890.

Outra mudança ocorreu nas centrais multimídia, agora baseadas na Plataforma Modular de Infoentretenimento MIB 2, evolução da tecnologia que vinha sendo oferecida no Golf. Elas são mais interativas. Oferecidas como opcionais a partir do Fox Comfortline até o CrossFox, custam entre R$ 2.150 e R$ 2,9 mil.

Segundo a Volkswagen, desde a versão 1.0 Trendline, de entrada, o Fox tem direção com assistência elétrica, travamento elétrico das portas, vidros dianteiros com acionamento elétrico, rodas de 15 polegadas e agora também o ar-condicionado.

Veja a lista de preços (sem opcionais) do Fox 2016

Trendline 1.0 – R$ 42.890;
Bluemotion 1.0 – R$ 45.790;
Comfortline 1.0 – R$ 45.490;
Trendline 1.6 – R$ 46.390;
Comfortline 1.6 – R$ 48.990;
Comfortline 1.6 I-Motion – R$ 52.490;
Highline 1.6 16V – R$ 53.490;
Highline 1.6 16V I-Motion – R$ 56.990;
CrossFox 1.6 16V – R$ 62.490;
CrossFox 1.6 16V I-Motion – R$ 65.990.

Obs.: as versões 1.6 têm até 104 cv e as 1.6 16V, até 120 cv. O nome I-Motion designa câmbio automatizado de cinco marchas. Os outros têm transmissão manual, também de cinco velocidades.



Tags: Volkswagen, VW, MIB 2, central multimídia, Comfortline, Trendline, Highline, CrossFox, infoentretenimento.

Comentários

  • Rodrigo P.C.

    Não vou discutir de quem é a culpa pelos altos preços praticados, se das montadoras, do governo ou dos consumidores (pouco provável), mas me parece lógico haver uma queda nas vendas em um cenário de crise econômica com veículos 1.0 sem opcionais partindo acima dos R$42 mil. Uma breve pesquisa sobre os salários e o preço dos automóveis nos EUA e na Alemanha pode esclarecer meu ponto de vista.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência