Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Negócios | 15/06/2015 | 17h25

Vendas globais da Audi têm alta de 4,3%

Maior avanço porcentual da companhia foi registrado no Brasil

REDAÇÃO AB

Os negócios globais da Audi evoluíram 4,3% entre janeiro e maio deste ano na comparação com igual intervalo de 2014. A companhia vendeu 744,9 mil veículos no mundo no período. Enquanto a demanda do mercado chinês desacelerou e ficou em 3,7%, as Américas foram responsáveis por puxar o crescimento da marca no período. Os emplacamentos da montadora alemã avançaram 11,7% nos Estados Unidos, para 75,3 mil carros.

Embora ainda represente volume pequeno, o Brasil mostrou o crescimento porcentual mais expressivo. Os negócios locais da Audi tiveram incremento de 32,7% e somaram 7,1 mil veículos. Em seguida, como maior avanço, aparece o México com evolução bem menos significativa, de 4,7%, com o emplacamento de 5,3 mil unidades.

Na Europa a expansão foi tímida, de 2,2% para 348,2 mil emplacamentos. O volume foi puxado pela demanda da Alemanha, onde a empresa entregou 123,5 mil automóveis. No balanço global da Audi a Rússia apresentou o pior resultado, com queda severa de 32,2%, para 10,1 mil carros.

Comunicado distribuído pela companhia destaca a boa performance do TT no mercado em maio. “Nos próximos meses esperamos ver incremento adicional com o novo Q7. O carro chegará às concessionárias europeias em junho”, acredita Luca de Meo, do conselho diretivo de vendas e marketing da Audi AG. “Estamos observando atualmente um grande número de desenvolvimentos contrastantes nos mercados: o boom dos SUVs é, porém, uma tendência global uniforme”, avalia.



Tags: Audi, vendas, globais, resultado.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência