Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Mercedes terá outra loja de seminovos
SelecTrucks de Mauá (foto) girou 548 usados em 18 meses

Negócios | 17/06/2015 | 17h52

Mercedes terá outra loja de seminovos

Segunda SelecTrucks será aberta em Minas Gerais até o fim do ano

MÁRIO CURCIO, AB

Apesar do volume de negócios menor que o desejado para a primeira loja SelecTrucks, a Mercedes-Benz vai abrir a segunda unidade este ano. O Estado escolhido foi Minas Gerais. “Não podemos revelar o local para não colocarem o preço lá em cima, mas a inauguração ocorre ainda este ano e em uma área parecida com a desta primeira loja”, afirma o vice-presidente de vendas, marketing e pós-venda de caminhões e ônibus Mercedes-Benz, Roberto Leoncini.

O primeiro ponto da SelecTrucks a que ele se refere fica em Mauá, na Grande São Paulo. Foi inaugurado em 11 de setembro de 2013 (leia aqui) e tem pátio de 18 mil metros quadrados capaz de armazenar até 250 caminhões. A expectativa da Mercedes era vender mil usados no primeiro ano, mas, passados 18 meses, menos de 550 veículos tinham sido repassados.

A fabricante, no entanto, prefere comemorar o “lado cheio do copo”, quer dizer, o fato de que essas transações geraram a venda de 680 caminhões novos. E é este o principal objetivo da SelecTrucks, cujo modelo de negócios surgiu na Europa como TruckStore há dez anos, tem hoje 31 pontos, está em 16 países e promove a venda anual de 16 mil caminhões de segunda mão. O nome aplicado em outros mercados não pôde ser adotado aqui porque já estava registrado.

Além do novo ponto em Minas Gerais, a SelecTrucks estará presente em dois postos avançados como um plano piloto. “Vamos nos instalar dentro de concessionárias a ser escolhidas no eixo entre Campinas e Ribeirão Preto”, diz Leoncini. De acordo com o executivo, o revendedor Mercedes não participará da operação e poderá ceder o espaço pela cobrança de aluguel se este for o caso. “E, como é um piloto, não será uma estrutura fixa. Levaremos um contêiner. Acreditamos que será bom para o concessionário porque vai gerar na loja um fluxo que ela não tem e que por isso pode favorecer a venda de produtos e serviços”, acredita Leoncini, que não descarta a revenda de usados de marcas concorrentes dentro dessas concessionárias.

De 2008 até 2014, o volume de usados negociados no Brasil foi de 2 a 2,7 vezes maior que o de novos. Em 2014 foram movimentadas 332,4 mil unidades. Desses veículos, 46% foram negociados no Sudeste, o que favoreceu a escolha de Minas Gerais para a segunda loja.

USADOS COM GARANTIA DE (QUASE) TODAS AS MARCAS

A SelecTrucks oferece garantia até 12 meses para motor e transmissão de caminhões até seis anos. Esse prazo cai para seis meses nos veículos fora de estrada. A divisão de usados também aceita caminhões de outras marcas desde o início da operação.

Perguntamos a Leoncini se haveria restrição a alguma marca e negou. Insistimos: “Se entrar aqui um Sinotruk ou um International, você compra também?” A resposta foi rápida: “Aí não, são produtos para públicos muito ‘específicos’” alegou. O fato é que desde o começo da operação se veem no pátio da loja de Mauá caminhões Volkswagen, Scania e Volvo, além dos próprios Mercedes.

A demanda oscila de acordo com a procura no mercado de zero-quilômetro, mas Leoncini diz que o ideal é ter sempre um estoque balanceado, com um terço de leves, outro terço de semipesados e o restante de pesados. “E a procura acaba sendo norteada por aquilo que o consumidor encontra em nosso site”, afirma o executivo.

“São 25 mil acessos por mês. Superou bastante nossa expectativa”, diz. De acordo com o vice-presidente da companhia, os principais clientes da SelecTrucks são os pequenos transportadores autônomos, pequenas prefeituras e também revendedores de usados.

Assista à entrevista com o vice-presidente de vendas, marketing e pós-venda da Mercedes-Benz, Roberto Leoncini



Tags: Mercedes, Mercedes-Benz, SelecTrucks, Roberto Leoncini, caminhões, usados, seminovos, TruckStore.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência