Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Mercedes-Benz acusa sindicato dos metalúrgicos para demitir

Trabalho | 21/08/2015 | 16h12

Mercedes-Benz acusa sindicato dos metalúrgicos para demitir

Empregados recebem telegrama durante ponte de feriado em São Bernardo

SUELI REIS, AB

A Mercedes-Benz começou a demitir parte de seus funcionários da fábrica de São Bernardo do Campo (SP), conforme havia sinalizado na quarta-feira, 19, após encerrar sem acordo as negociações com o sindicato dos metalúrgicos da região (leia aqui). Trabalhadores da unidade começaram a receber telegrama informando sobre seu desligamento da empresa, que será concretizado em 1º de setembro. Tanto montadora quanto sindicato confirmam o envio e recebimento dos telegramas na sexta-feira, 21, ponte de feriado prolongado por conta do aniversário de São Bernardo do Campo celebrado no dia anterior.

No telegrama, ao qual Automotive Business teve acesso, a montadora informa ao metalúrgico que a decisão é resultado da não aceitação das propostas da empresa apresentadas ao sindicato. Por ora, a companhia não informará o total de demitidos, mas, segundo sua assessoria de imprensa, não significa que será o número de mão de obra excedente, calculada em 2 mil pessoas.

Por sua vez, o sindicato, também por meio de sua assessoria, informa que devido ao fechamento total da fábrica durante o feriado prolongado, uma assembleia está agendada somente na segunda-feira, 24, no primeiro turno de trabalho, certamente com viés para dar início a uma greve.

Veja abaixo a íntegra do telegrama enviado pela Mercedes-Benz aos trabalhadores da fábrica de São Bernardo do Campo:

“A atual situação de mercado trouxe para a Mercedes-Benz um grave excesso de pessoal que lamentavelmente não pode mais ser suportado. Todas as ferramentas de flexibilidade foram utilizadas ao longo dos últimos meses e nossa última proposta, com alternativa que nos restava e que seria a adoção do PPE e de outras medidas de contenção de custos de pessoal, lamentavelmente não foi aceita pelo sindicato.

Tendo em vista esses fatos, nos vimos na contingência de informá-lo sobre a rescisão do seu contrato de trabalho em 01 de setembro de 2015. O período de licença remunerada será estendido até 31 de agosto de 2015.

Favor comparecer na empresa com sua carteira de trabalho no dia 01/09/2015 as 15h30, Pr. 13 – Térreo, para procedimentos rescisórios.”



Tags: Mercedes-Benz, demissões, sindicato, trabalhadores, empregos, São Bernardo do Campo, PPE.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência