Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Balanço | 01/09/2015 | 17h33

Brasil segue como sétimo mercado global

País cai três posições em 2015, ultrapassado por Alemanha, Grã-Bretanha e Índia

REDAÇÃO AB

O Brasil vai se consolidando em 2015 como sétimo maior mercado global de veículos, ao encerrar o acumulado entre janeiro e julho com 1,48 milhão de unidades vendidas, entre automóveis e comerciais leves, representando queda de 20% sobre resultado de igual período do ano passado. De acordo com dados divulgados pela Jato Dynamics, desde o fim do primeiro trimestre deste ano o País foi ultrapassado por Alemanha, Grã-Bretanha e Índia, que passaram a ocupar a quarta, quinta e sexta posições do ranking, respectivamente (leia aqui). O Brasil encerrou o ano passado como quarto maior mercado, atrás apenas de China, Estados Unidos e Japão, que seguem nas mesmas colocações em 2015.

Há um ano, o Brasil ainda estava à frente de Grã-Bretanha e Índia. No fim de julho de 2014, o País era o quinto colocado, com 1,86 milhão de veículos, mas já havia sido ultrapassado pela Alemanha. No fim do ano, conseguiu reverter a situação por pouco, retornando à quarta posição, deixando o mercado alemão para trás pela diferença de apenas 67 mil unidades.

Com previsão de queda das vendas no mercado interno para este ano, de até 20,6%, conforme projeções da Anfavea, para 2,77 milhões de veículos, o Brasil deve encerrar 2015 nesta mesma sétima posição, uma vez que as vendas da Alemanha cresceram 5,5% no acumulado até julho, para mais de 2 milhões de unidades. Grã-Bretanha também apresentou resultado positivo, com alta de 7,7% na mesma base de comparação, para 1,76 milhão de unidades emplacadas até julho. A Índia confirmou vendas 4,6% maiores neste ano, com 1,74 milhão.

A China continua como maior mercado mundial no acumulado, com 12,2 milhões de veículos vendidos nos sete meses fechados do ano, embora tenha sido ultrapassado pelos Estados Unidos no resultado mensal de julho. O gigante asiático apresentou em agosto a segunda queda consecutiva de vendas (leia aqui). O Japão segue na terceira colocação, apesar da queda de 10,7% das vendas, para pouco mais de 3 milhões de veículos. Todos os dados consideram apenas veículos leves, inclusive comerciais, exceto pela China, que inclui apenas automóveis.



FABRICANTES

O Grupo Volkswagen mantém a liderança do mercado global com 4,45 milhões de veículos vendidos de janeiro a julho, embora o volume seja 1% menor que o registrado no mesmo acumulado do ano passado, quando entregou 4,5 milhões de unidades. A vice-líder Toyota segura a posição com 4,14 milhões de veículos, também queda de 2,7% no comparativo anual.

A GM figura na terceira posição, com 3,4 milhões de unidades, recuo de 3,1% sobre janeiro-julho de 2014. DOs dez maiores fabricantes presentes no ranking, apenas Ford (4ª posição), FCA (7ª) e Nissan (8ª) apresentaram crescimento das vendas globais nos sete meses do ano, segundo a Jato Dynamics.



Tags: Jato Dynamics, ranking global, Brasil, China, Alemanha, Grã-Bretanha, Índia.

Comentários

  • Flávio

    Como a reportagem trata das vendas de grupos automobilísticos, o que fica claro ao mencionar "O Grupo Volkswagen mantém...", "GM Company", "FCA" e "PSA", todos os grupos fruto de associações entre grandes marcas, não consigo entender porque não se divulgam as vendas da Aliança (ou grupo) Renault-Nissan. Penso que dessa forma estaria sendo utilizado o mesmo parâmetro de comparação.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência