Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Ketter assume comando da FCA América Latina
Belini (esquerda) e Ketter: transição no comando da FCA América Latina

Carreira | 06/10/2015 | 17h50

Ketter assume comando da FCA América Latina

Belini segue como presidente de desenvolvimento para a região

PEDRO KUTNEY, AB

Stefan Ketter foi indicado para assumir em 1º de novembro mais uma função na Fiat Chrysler Automobiles, a FCA: ele vai suceder Cledorvino Belini na presidência do grupo na América Latina, além de continuar com seus cargos atuais de vice-presidente mundial de manufatura (Chief Manufacturing Officer, ou CMO) e membro do conselho executivo da companhia (GEC). A mudança, já esperada há algum tempo, foi anunciada oficialmente pela FCA na terça-feira, 6.

A principal surpresa no momento é que, ao contrário do esperado, Belini, 66 anos e desde 1973 no Grupo Fiat, não irá se aposentar. Também em 1º de novembro, o executivo será nomeado presidente de desenvolvimento da FCA América Latina, cargo até agora inexistente na empresa. Segundo comunicado do grupo, Belini terá a responsabilidade de representar a FCA em suas relações institucionais, incluindo governos e instituições financeiras na região latino-americana. Assim como já ocorre hoje, ele não terá nenhum chefe local, nem Ketter, pois se reportará diretamente a Sergio Marchionne, CEO mundial da FCA.

O processo de sucessão no comando do grupo no Brasil e toda a América Latina já vinha sendo desenhado desde 2013, quando Ketter transferiu seu escritório para Pernambuco, onde liderou pessoalmente a construção e instalação do Polo Automotivo Jeep, em Goiana, a mais moderna fábrica de automóveis da FCA no mundo, inaugurada em 28 de abril deste ano.

Apesar do nome alemão e de ter construído a maior parte de sua carreira na Europa e nos Estados Unidos, Ketter também é brasileiro, nasceu em São Paulo, fala português fluente. Junto com Belini, ele forma a dupla de nacionalidade brasileira com assentos do comitê executivo do grupo. Com essas credenciais e a confiança de Marchionne para fazer profundas alterações no sistema de manufatura da companhia em todo o mundo, Ketter sempre pareceu ser a escolha natural para substituir Belini.

O NEGOCIADOR CONTINUA

Mas Belini não será substituído totalmente. Como presidente de desenvolvimento da FCA na América Latina, ele vai continuar a fazer muito do que vinha fazendo. O executivo segue cuidando das relações institucionais da companhia, o que no Brasil significa negociações importantes com o governo em torno de políticas industriais que afetam diretamente as atividades e os resultados da empresa – exemplo disso é o próprio Inovar-Auto que Belini ajudou a escrever quando ocupou a presidência da associação brasileira dos fabricantes, a Anfavea, entre abril de 2010 e março de 2013.

Ao que parece, Marchionne quis manter toda a experiência de Belini nessa função, que trouxe ótimos resultados para o grupo no País – incluindo a negociação de generosos incentivos fiscais federais e estaduais, além de financiamento com juros camaradas do BNDES e outros órgãos de fomento, que viabilizaram a construção da fábrica de Goiana em Pernambuco com o mínimo de desembolso de recursos próprios da companhia.

Nascido em 3 de maio de 1949 e formado em Administração de Empresas pelo Mackenzie, com pós-graduação em Finanças no curso de mestrado na USP e MBA pela FDC/Insead, Belini começou a trabalhar no Grupo Fiat em 1973, onde entre diversas posições foi diretor de compras da montadora de 1987 a 1993, quando idealizou a formação do cinturão de fornecedores no entorno da fábrica de Betim (MG), com o suprimento de peças just in time. Em 2004, foi o primeiro brasileiro e não-engenheiro a assumir a presidência executiva da Fiat Automóveis – que somente em um ano de sua gestão (2005) não foi a líder de vendas de veículos no País. Em 2005, assumiu também a presidência do Grupo Fiat no Brasil e América Latina e desde 2009 é membro do conselho executivo da companhia. Com a aquisição do controle acionário da Chrysler pela Fiat, Belini passou a comandar as atividades da FCA na região.

PROFISSIONAL DE MANUFATURA

Profissional que construiu sua carreira sempre ligada às áreas de engenharia e manufatura industrial automotiva, Ketter é 10 anos mais jovem do que seu antecessor e pode ter em Belini um importante conselheiro para armar a estratégia comercial da empresa, algo que nunca fez antes.

Ketter nasceu em São Paulo, em 31 de julho de 1959, e concluiu seus estudos na Europa. Graduou-se em Engenharia Mecânica na Technical University of Munich, Alemanha, e especializou-se em gestão empresarial pelo Insead da França. A trajetória na indústria automotiva teve início em 1986, na BMW, e 10 anos depois entrou na Audi. Em 1997, foi nomeado diretor de qualidade do Grupo Volkswagen na América do Sul, com responsabilidade de colocar para funcionar a fábrica de São José dos Pinhais, no Paraná, em 1998.

Sua história na Fiat SpA começou em 2004, quando foi trazido da Volkswagen nos Estados Unidos para a empresa na Itália como diretor de qualidade por seu ex-chefe no Brasil, Herbert Demel, que então era o CEO da companhia italiana. Demel se foi no mesmo ano, mas Ketter ficou e conquistou a confiança de Marchionne, que em 2005 o transformou em chefe de manufatura, com responsabilidade pelo projeto, construção e instalação de fábricas do grupo em todo o mundo. A partir de 2006, Ketter começou a implementação de um novo sistema de produção, o World Class Manufacturing (WCM), que resultou em ganhos expressivos e produtividade e qualidade nas plantas do grupo. Desde 2008 o executivo tornou vice-presidente mundial de manufatura e membro do conselho executivo global da empresa.

Depois de colocar em funcionamento a fábrica de Goiana, que já nasceu com o uma das mais modernas e eficientes do mundo, agora Ketter terá de dividir suas atribuições globais com o comando da operação toda no Brasil e América Latina. A agenda ficará bem apertada.



Tags: Fiat, Chrysler, Jeep, FCA, Stefan Ketter, Cledorvino Belini, carreiras.

Comentários

  • L I M A

    Jogada de.......Mestre,uni a Força ao Conhecimento...& a Experiência !!!! Parabéns, essa dupla vai "Fazer Sucesso" !!!!!

  • Gilson P. L. de Souza

    Estratégia perfeita! Sucesso....

  • Romeiro André

    Claro que Sr. Bellini foi e continuará a ser muito importante mas momento por aqui sugeria já uma re organização e visão mais arrojada... Parabéns FCA, torço que os frutos cheguem rapidamente!

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência