Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Tecnologia | 12/01/2016 | 15h46

Mahle traz novidades para melhorar sistema Start-Stop

Soluções são voltadas ao uso do ar-condicionado e à redução de atrito

REDAÇÃO AB

A Mahle aproveita o momento de busca por melhoria da eficiência energética dos carros para anunciar tecnologias que prometem melhorar o sistema Start-Stop. Com as metas do Inovar-Auto, o sistema começa a se popularizar no Brasil. Recentemente o dispositivo passou a ser oferecido pela primeira vez em um carro nacional de entrada: o Fiat Uno.

Segundo a companhia, no entanto, a tecnologia que desliga o motor em pequenas paradas no trânsito para economizar combustível acaba aumentando a exigência mecânica do carro e demanda algumas adaptações. A Mahle destaca que um propulsor normal será submetido a 100 mil partidas em sua vida útil, em média. No caso do motor equipado com Start-Stop, esse número aumenta para 600 mil.

Diante disso, a Mahle anuncia solução para reduzir o atrito interno do motor. A empresa desenvolveu uma cobertura polimétrica que protege e aumenta a resistência ao desgaste da bronzina. O componente tem lubrificação crítica, com risco de contato de sua superfície com o virabrequim. Segundo a companhia, o problema é mais evidente em carros equipados com Start-Stop, já que a lubrificação diminui quando o propulsor é desligado e, quando o veículo é ligado, é necessário algum tempo para que ela se restabeleça.

A novidade da Mahle conta com cargas de lubrificante sólido e de partículas duras que aumentam a resistência da bronzina ao desgaste. A tecnologia já está em alguns carros importados vendidos localmente e o plano é passar a oferecer a novidade em larga escala também para automóveis fabricados localmente.

A outra inovação da Mahle é voltada ao uso do ar-condicionado em veículos com Start-Stop. Em um país quente como o Brasil, a cabine se aquece rapidamente quando o sistema desliga o motor, gerando desconforto aos ocupantes. A companhia aponta que alguns sistemas religam o propulsor quando a temperatura interna aumenta muito, o que eleva o consumo de combustível sem que o carro saia do lugar.

Para resolver este problema, a empresa desenvolveu um conceito que inclui um evaporador e um reservatório adicional. A tecnologia é um acumulador selado, preenchido por material chamado Phase-Change Media (PCM), que congela e se solidifica. Desta forma, quando o compressor deixa de funcionar por causa do desligamento do motor, o reservatório mantém a temperatura interna do carro agradável por pelo menos 40 segundos, atendendo ao período médio em que o carro fica parado no trânsito. O sistema já equipa modelos da BMW e a Mahle negocia o fornecimento para outras montadoras no Brasil.



Tags: Mahle, tecnologia, Star-Stop, motor.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência