Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Balanço | 03/02/2016 | 15h29

Lucro da General Motors chegou a US$ 9,7 bilhões em 2015

Enquanto EUA e China contribuíram, América do Sul trouxe perdas

REDAÇÃO AB

Com a retomada das vendas de veículos nos Estados Unidos e boa performance na China, a General Motors fez seu lucro líquido crescer mais de 240% em 2015, para expressivos US$ 9,7 bilhões. A informação foi divulgada aos acionistas da montadora na quarta-feira, 3. O Ebit, lucro operacional antes de encargos financeiros e impostos que indica, portanto, os resultados da atividade principal da companhia, somou US$ 10,8 bilhões, com aumento de 66,1% na comparação com o registrado em 2014.

A boa performance reflete a entrega de 9,8 milhões de carros globalmente ao longo do ano passado, volume que garantiu à General Motors 11,2% de market share no mercado mundial de veículos. O faturamento da montadora chegou a US$ 152,4 bilhões, com leve redução de 2,2%. “Foi um ano forte em vários aspectos, com recorde de vendas e de ganhos”, observou Mary Barra, CEO da fabricante, em comunicado distribuído ao mercado. Ela enfatizou a intenção de seguir fortalecendo o principal negócio do grupo e de “liderar a transformação da mobilidade individual, com a criação de oportunidades nas áreas de conectividade e de direção autônoma.”

AMÉRICA DO SUL TEM RESULTADO NEGATIVO

Apesar da boa performance global, a GM teve perdas na América do Sul. O Ebit apresentou prejuízo de US$ 600 milhões, aprofundado o resultado negativo de US$ 200 milhões registrado em 2014. A empresa apontou ter tomado medidas para amenizar as perdas na região causadas pela queda do mercado. Entre elas está a redução de 20% nos custos trabalhistas e corte de 35% na produção.

Qualquer prejuízo na América do Sul, no entanto, foi compensado pela boa performance da General Motors nos Estados Unidos. A GM América do Norte teve Ebit de US$ 11 bilhões. A divisão Internacional da companhia, que engloba países da Ásia, foi salva pela China. Com isso, houve crescimento, com lucro de US$ 1,4 bilhão.

A operação europeia da empresa teve prejuízo de US$ 800 milhões em 2015. Ainda assim, o resultado foi melhor do que o do ano anterior, quando as perdas chegaram a US$ 1,4 bilhão. A companhia aponta que reverter o resultado negativo na região é uma das prioridades para 2016.



Tags: General Motors, GM, lucro, balanço.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência