Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Autopeças | 15/02/2016 | 15h48

Aisin fornece primeiros componentes de motores fabricados no Brasil

600 unidades produzidas em nova planta de Itu equiparão Toyota Etios

REDAÇÃO AB

Os primeiros componentes para motores já foram produzidos pela Aisin em sua nova fábrica localizada no complexo industrial de Itu (SP), onde já são feitas autopeças para a carroceria. O lote que inaugurou a linha de produção forneceu 600 autopeças para abastecer a planta de motores da Toyota em Porto Feliz, também no interior paulista. Os motores equipam o modelo Etios, montado em Sorocaba.

Entre as autopeças fornecidas, estão incluídas tampas do comando de válvulas, cárter de óleo, cobertura frontal do motor, transmissão manual e coletores de admissão. A previsão é de que haja novos fornecimentos no segundo semestre deste ano.

A nova fábrica da Aisin anunciada em 2014 recebeu investimento de R$ 140 milhões, dos quais R$ 90 milhões para a construção do galpão e R$ 50 milhões para os novos equipamentos usados na fabricação (leia aqui). No local, a empresa produz componentes perfilados para as portas de veículos, componentes para bancos, portas e com a nova fábrica, componentes para motores. Também abriga o centro comercial e o centro de pesquisa e desenvolvimento da empresa no Brasil.

Globalmente, além da Toyota, a Aisin atende General Motors, Honda, Nissan e Mitsubishi com o fornecimento de peças da carroceria, como trava, limitador e moldura da porta, estrutura do banco, canaleta do vidro, coletor de admissão, bombas de óleo e também transmissões manuais.



Tags: Aisin, componentes, motores, fábrica, Toyota.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência