NOTÍCIAS
11/05/2016 | 15h55

Lançamentos

Ford já vende linha Ranger 2017 com motor flex

Modelo tem até 173 cv, nova partida a frio e preço inicial de R$ 99,5 mil


REDAÇÃO AB

Versão Limited, mais cara, sai por R$ 118,5 mil
A Ford começa a vender a nova Ranger também com motor flex. A picape tem preço inicial de R$ 99,5 mil, valor pedido pela versão XLS cabine dupla. O motor permanece o mesmo Duratec 2.5 com até 173 cavalos, mas recebeu sistema de partida a frio atualizado, sem tanquinho de gasolina. A opção XLT custa R$ 109,5 mil e a Limited, R$ 118,5 mil.

Desde a opção de entrada a picape recebe direção com assistência elétrica, ar-condicionado, sete airbags, controle eletrônico de estabilidade, travas, vidros e retrovisores elétricos, faróis de neblina, computador de bordo, controlador automático de velocidade e sistema Isofix para cadeiras infantis.

Central multimídia Sync, Bluetooth, comandos de voz para áudio e telefone, sistema AppLink para aplicativos de smartphones e assistente de emergência também estão em toda a linha 2017.

A Ranger XLT traz também estribos laterais, santantônio e detalhes externos cromados, mais bancos de couro, ar-condicionado automático digital com duas zonas distintas de temperatura, sensor de estacionamento traseiro, monitoramento de pressão dos pneus e chave programável MyKey, capaz de limitar a velocidade e o volume do som, por exemplo.

O sistema Sync da XLT tem tela sensível ao toque de oito polegadas, navegação, câmera de ré, duas entradas USB, leitor de cartão de memória, comandos de voz para áudio, telefone, navegação e climatização. Além disso, o quadro de instrumentos recebe duas telas de quatro polegadas configuráveis pelo motorista.

A Limited traz a mais piloto automático adaptativo, alerta de colisão, sistema de permanência na faixa, acendimento automático dos faróis, farol alto automático e sistema de personalização da luz ambiente em sete cores. Por fora ela vem com santantônio mais largo e pintado da cor do veículo, rodas de 18 polegadas, bagageiro de teto, protetor de caçamba e capota marítima.

Oferece ainda ajuste elétrico do banco do motorista em oito posições, retrovisor interno eletrocrômico, retrovisores elétricos com pisca-piscas, rebatimento e luz de aproximação, sensor de chuva, sensor de estacionamento dianteiro e luz diurna por LEDs.

A Ranger é montada em Pacheco, na Argentina, assim como seus motores 2.2 e 3.2 a diesel. Já o Duratec 2.5 flex é fabricado no México.

Comentários: 0
 

Comente essa notícia

Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de questões técnicas ou comerciais. Os comentários serão publicados após análise. É obrigatório informar nome e e-mail (que não será divulgado ao público leitor). Não são aceitos textos que contenham ofensas, palavras chulas ou digitados inteiramente em letras maiúsculas. Também serão bloqueados currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
Seu nome*: Seu e-mail*:


QUEM É QUEM NO SETOR AUTOMOTIVO

Encontre empresas e profissionais do setor.
Confira seus perfis e biografias.

Encontre empresas e profissionais do setor.

Encontre empresas e profissionais de comunicação.

Confira seus perfis e biografias.

COLUNISTAS

ALTA RODA | 13/12/2017
Requisitos de segurança têm de se adequar à realidade local de mercado

Esta coluna é apoiada por:

Advertisement Advertisement Advertisement Advertisement Advertisement
Indústria | 01/08/2016
Declaração do presidente da FCA evidencia crise no setor de autopeças
Pressão de montadoras adia controle de estabilidade obrigatório
Tecnologia | 13/03/2015
Setor enfrentará grandes mudanças nos próximos anos
AUTOINFORME | 07/12/2017
Aumenta pressão por manter mercado protegido dos importados
INOVAÇÃO | 25/10/2017
Indústria precisa questionar qual será o seu papel no futuro
DISTRIBUIÇÃO | 03/08/2017
Marca percorreu caminho árduo e conseguiu destronar a Toyota da 1ª posição
Tecnologia | 23/07/2015
Novas ferramentas de desenvolvimento encurtam caminho para a competitividade
MERCADO | 16/01/2015
Utilização do potencial só deve melhorar a partir de 2016
DE CARRO POR AÍ | 08/12/2017
Programa de desenvolvimento do setor insiste em protecionismo
QUALIDADE | 01/12/2017
Envolver e motivar colaboradores é essencial para gerar bons resultados
COMPETITIVIDADE | 08/04/2014
Interrupção do crescimento desafia fabricantes
Novas palavras, expressões e siglas podem levantar dúvidas sobre o futuro
QUALIDADE | 03/07/2017
Rota 2030 terá missão de levar a indústria automotiva nacional até o futuro
QUALIDADE | 23/11/2016
Empresas do setor automotivo precisam atualizar sistema de qualidade até 2018