Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Volvo Penta nacionaliza motores industriais
Motores de 13 litros entraram em linha na fábrica do Paraná

Indústria | 30/06/2016 | 14h25

Volvo Penta nacionaliza motores industriais

Propulsores para geração de energia entraram em linha no Paraná

REDAÇÃO AB

A Volvo Penta, divisão para propulsores marítimos e industriais da Volvo, iniciou nesta semana a produção de motores industriais na fábrica de Curitiba, sede da companhia na América Latina. São dois os modelos nacionalizados, TAD-1344GE e TAD-1345GE, ambos de 13 litros e destinados a geradores de energia.

“Como parte do Grupo Volvo, estamos investindo para alavancar nossa produção onde há fábricas estabelecidas. Um dos objetivos da Volvo Penta é criar uma cadeia global de fornecimento dos produtos com prazos de entrega e custos competitivos”, afirma o presidente da Volvo Penta Americas, Ron Huibers.

Uma das vantagens da produção local é permitir a compra dos motores pela linha Finame, do BNDES, a juros mais baixos que os do setor privado. O segmento de geração própria de eletricidade cresce à medida que a demanda por energia é maior que a oferta. De acordo com dados levantados pelo Ministério de Minas e Energia, o atual déficit energético brasileiro é de aproximadamente 50 terawatts/hora.

“Antes de iniciar a produção dos motores no Brasil trabalhamos para formar uma rede de suporte aos nossos clientes, fundamental para um atendimento de qualidade e para o sucesso do negócio. As distribuidoras da Volvo Construction Equipment têm similaridade com negócios da Volvo Penta, o que nos dará ganho de escala”, afirma o diretor de motores industriais da Volvo Penta South America, João Zarpelão.

Dentro da América do Sul, a Volvo Penta pretende ampliar a estrutura de negócios para Equador, Bolívia e Paraguai. Atualmente, os principais mercados da marca na América do Sul, além do Brasil, são Argentina, Peru e Chile.



Tags: Volvo, Volvo Penta, grupos geradores, Ministério de Minas e Energia, Finame, BNDES, João Zarpelão, Ron Huibers.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência