Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Engenharia | 23/08/2016 | 09h27

Toyota dá relargada ao ‘‘5 Continents Drive’’

Nova fase do projeto prevê 20 mil quilômetros pela América Latina

MÁRIO CURCIO, AB

No mesmo dia em que inaugurou em sua fábrica de São Bernardo do Campo (SP) um centro de pesquisa aplicada de R$ 46 milhões (veja aqui), a Toyota iniciou a etapa latino-americana do projeto global “5 Continents Drive”, que vai rodar 20 mil quilômetros pela América Latina nos próximos três meses e meio.

O projeto já passou por Austrália e América do Norte em 2014 e 2015, respectivamente. Na América Latina ele partiu da primeira fábrica da Toyota fora do Japão, inaugurada em 1962. Seguirá até o Centro-Oeste e Nordeste em avaliação nos grandes centros urbanos, em lugares altos e em áreas onde a tração 4x4 é essencial. A etapa brasileira terá cerca de 5 mil quilômetros.

Além do Brasil, a caravana irá viajar pela Argentina, Bolívia, Chile, Peru, Uruguai e Paraguai. Todos os Toyota fabricados no continente (Corolla, Etios, Hilux e SW4), além de importados como o híbrido Prius, serão submetidos aos testes de durabilidade e confiabilidade até o fim do ano.

“O projeto permitirá conhecer as verdadeiras condições na região”, afirma o CEO da Toyota para América Latina e Caribe, Steve St. Angelo. De acordo com o executivo, o novo centro de pesquisa aplicada dará agilidade à montadora para fazer mudanças nos produtos a partir de informações obtidas pelo “5 Continents Drive”. Mais de 30 engenheiros e técnicos da marca do Brasil integram o projeto.



Tags: Toyota, 5 Continents Drive, Steve St. Angelo, Corolla, Etios, Prius, Hilux, SW4.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência