Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Balanço | 14/02/2017 | 19h16

Lucro líquido da CNH sobe 1,7% em um ano

Resultado de 2016 supera o do ano anterior ao atingir US$ 482 milhões

REDAÇÃO AB

O lucro líquido do Grupo CNH registrou aumento de 1,7% em um ano ao atingir US$ 482 milhões em 2016, de acordo com comunicado da companhia. A receita consolidou-se em US$ 24,8 bilhões em 2016, representando queda de 4% sobre o ano anterior, enquanto o faturamento líquido recuou na mesma proporção, de 4,1%, para US$ 23,6 bilhões. A companhia reúne marcas dos segmentos de caminhões (Iveco, Magirus); máquinas agrícolas e de construção (Case e New Holland) e motores (FPT).

“Embora o mercado de equipamentos agrícolas tenha permanecido em níveis de demanda historicamente baixos em 2016, nosso desempenho ficou alinhado com nossas expectativas e tivemos progressos significativos na redução de estoques”, disse em nota o CEO da CNH Industrial, Richard Tobin.

O faturamento líquido diminuiu 8,2% na divisão de máquinas agrícolas, em função de desempenho desfavorável em algumas culturas nas regiões Nafta (América do Norte) e EMEA (Europa, Oriente Médio e África). Já na América Latina as vendas líquidas aumentaram impulsionadas pela melhora do mercado brasileiro e ao impacto positivo da conversão cambial.

No segmento de máquinas de construção, as vendas recuaram 9,4% devido, especialmente, às regiões de Nafta e América Latina, além do realinhamento negativo de preços. Em veículos comerciais, as vendas ficaram estáveis em 2016 devido ao aumento do volume de caminhões e preços favoráveis na região da EMEA, o que compensou os volumes menores em segmentos de veículos especiais e o impacto negativo da conversão de moeda. A empresa destaca ainda o desempenho negativo na Na América Latina, devido às quedas nas vendas registradas no Brasil e na Argentina.

“O mercado da América Latina, de modo geral, foi desafiador em todos os segmentos, mas estamos começando a ver sinais de recuperação na região, especialmente em equipamentos agrícolas, com entregas 30% superiores no quarto trimestre de 2016 em comparação ao quarto trimestre de 2015. Além disso, veículos comerciais continuam melhorando em termos de rentabilidade e participação de mercado na região EMEA”, completa Tobin.



Tags: CNH, lucro líquido, balanço, máquinas agrícolas.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência