Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Etiquetagem veicular vai atingir 100% dos modelos este ano

Legislação | 27/04/2017 | 19h38

Etiquetagem veicular vai atingir 100% dos modelos este ano

MDIC anuncia 9ª etapa de medição para eficiência energética e de emissões

REDAÇÃO AB

O Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) anuncia a 9ª etapa do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBVE), que desde 2008 identifica anualmente a partir de um relatório emitido pelo Inmetro o nível de eficiência energética (consumo) e de emissões dos veículos vendidos no Brasil. Em 2016, na última medição, 90% dos modelos de automóveis vendidos no Brasil estavam incluídos no programa. Segundo comunicado do ministério, a partir deste ano, a exigência é de que todos os modelos vendidos no País passarão a apresentar a etiqueta: serão incluídos 87 modelos ao programa ainda neste primeiro semestre.

Em 2009, quando o Inmetro publicou o primeiro relatório, apenas 10 modelos haviam aderido ao programa, de forma espontânea por parte de suas montadoras, cinco na época (Chevrolet/General Motor, Fiat, Honda, Kia e Volkswagen). Em 2016, o programa contou com 35 marcas e mais de 1,1 mil modelos (incluindo suas diferentes versões) inspecionados pelo programa.

O significativo aumento se deve à adoção do PBEV como um dos critérios para habilitação ao Inovar-Auto em 2013.

A eficiência energética, que mede o consumo de combustível do veículo será um dos itens contemplados pela nova política industrial que está sendo reformulada pelas montadoras e pelo governo, que deverá substituir o Inovar-Auto em 2018 e que possibilitará a continuidade da exigência da adesão ao PBEV como critério de habilitação às novas regras (leia aqui).

“Essas iniciativas têm por objetivo facilitar a vida do consumidor na hora de escolher o modelo e a marca do seu veículo, podendo considerar outros atributos além do preço. Em última instância, a medida acaba por estimular os fabricantes a investirem cada vez mais em novas tecnologias para ganhar competitividade, levando em conta a escolha consciente dos consumidores”, disse em nota o dirigente da pasta, Marcos Pereira.

O programa de etiquetagem veicular avalia e classifica os veículos com faixas coloridas em escala de A (mais eficiente) até E (menos eficiente). Com a evolução e novas exigências das medições, os automóveis passaram a ter informações de emissões de gases poluentes, como o CO2 (dióxido de carbono) em 2013 e de hidrocarbonetos, monóxido de carbono e óxido de nitrogênio em 2016, como parte do Proconve (Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores), do Ibama.



Tags: Etiquetagem veicular, eficiência energética, consumo, emissões, Inovar-Auto, Inmetro.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência