Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Vendas de veículos crescem 3,6% no semestre

Mercado | 04/07/2017 | 19h39

Vendas de veículos crescem 3,6% no semestre

Segmento leve sustenta resultado positivo e será o único a encerrar o ano em alta

SUELI REIS, AB

As vendas de veículos voltaram a apresentar crescimento após três anos consecutivos de queda. Segundo dados divulgados na terça-feira, 4, pela Fenabrave, que reúne as concessionárias no País, os emplacamentos aumentaram 3,6% no primeiro semestre na comparação com igual período do ano passado, para pouco mais de 1,01 milhão de unidades, na soma de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus. A última vez que o setor registrou um primeiro semestre positivo foi em 2013.

-Veja aqui os dados da Fenabrave
-Veja aqui outros dados de emplacamentos
- Veja outras estatísticas em AB Inteligência

O responsável pelo bom desempenho do setor na primeira metade do ano foi o segmento de veículos leves, que inclui automóveis e comerciais leves. Na soma dos dois durante o acumulado de janeiro a junho, houve alta de 4,25% na comparação com iguais meses do ano passado: foram emplacados 991,4 unidades contra os 951 mil do ano anterior.

Em junho, o segmento leve somou 189,2 mil unidades, o que representou aumento de 13,7% sobre junho de 2016, e leve queda de 0,47% sobre os emplacamentos de maio deste ano, quando foram licenciados 190,1 mil veículos. A média diária, no entanto, cresceu 4,5%, passando de 8,6 mil em cada um dos 22 dias úteis de maio para 9 mil nos 21 dias úteis de junho.

Para o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Jr., o crescimento da média diária anulou o efeito de menos dias úteis. “O mês de junho mostrou-se bastante agitado politicamente, gerando, inclusive, uma pequena queda nos índices de confiança de curto prazo. Porém, isso não afetou a tendência de melhora, resultando no encerramento positivo do primeiro semestre em 4,25%”, declarou.

De acordo com os dados da entidade, as concessionárias encerraram o mês passado com um estoque de 148 mil veículos, equivalente a 42 dias de vendas. Em junho do ano passado, o estoque era o suficiente para 51 dias.

Nos negócios efetuados no primeiro semestre, as vendas diretas tiveram participação de 38%, incluindo frotistas. Segundo Assumpção, o setor vem mantendo o nível nos últimos 10 anos. “Neste período, há uma média de 500 mil veículos por ano adquiridos por venda direta. Não houve, portanto, um crescimento exponencial, quer seja para frotistas, quer seja para locadoras. O que houve foi a queda acentuada no varejo”, explica.

Para a Fenabrave, embora o setor ainda seja atingido pelos efeitos da crise política, o segmento leve deverá ser o único a encerrar o ano com desempenho positivo (leia aqui).



Tags: Fenabrave, vendas, emplacamentos, Alarico Assumpção Júnior.


Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
AB Inteligência