Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Metalúrgicos terminam greve da Ford em Taubaté

Trabalho | 07/07/2017 | 12h53

Metalúrgicos terminam greve da Ford em Taubaté

TRT propôs jornada com maioria folgando aos sábados e domingos

MÁRIO CURCIO, AB

Terminou na quinta-feira, 6, a greve na fábrica da Ford de Taubaté. Os funcionários voltaram ao trabalho após uma assembleia realizada pelo sindicato local dos metalúrgicos. Os trabalhadores optaram pelo retorno após a proposta do Tribunal Regional de Trabalho (TRT) de Campinas (SP).

Na quarta-feira o TRT sugeriu que todos retornassem ao trabalho sem o desconto dos dias parados e em escalas que privilegiassem a jornada de segunda a sexta-feira ao maior número possível de trabalhadores. A greve ocorreu porque os metalúrgicos reivindicam descanso aos sábados e domingos para todos.

Em resposta, a Ford confirma o retorno ao trabalho e afirma que a maioria já cumpre essa escala. A unidade de Taubaté tem cerca de 1,6 mil funcionários. Produz motores para Ka, Fiesta, EcoSport e Focus. Também faz transmissões manuais.

Para o motor 1.0 de três cilindros utilizado no Ka a unidade fabrica os virabrequins e funde seus cabeçotes. No futuro fará também o propulsor 1.5 de três cilindros que agora está vindo da Índia para equipar parte dos novos EcoSport.



Tags: Ford, metalúrgicos, TRT, Taubaté, greve.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência