Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Vendas de usados avançam 9,7% no semestre

Mercado | 07/07/2017 | 17h28

Vendas de usados avançam 9,7% no semestre

Mais de 5,2 milhões de veículos trocaram de dono no período, aponta Fenabrave

REDAÇÃO AB

O mercado de veículos usados segue com desempenho positivo: as vendas de janeiro a junho cresceram 9,7% na comparação com iguais meses do ano passado, de acordo com dados da Fenabrave, entidade que reúne as concessionárias. Os dados mostram que mais de 5,25 milhões de veículos trocaram de dono nos seis primeiros meses deste ano contra as 4,78 milhões unidades verificadas em 2016.

-Veja aqui os dados da Fenabrave
-Veja aqui outros dados de emplacamentos
- Veja outras estatísticas em AB Inteligência

Todos os segmentos tiveram os volumes elevados: os leves tiveram aumento de quase 10%, para um total de 5,07 milhões de unidades, enquanto pesados chegaram a 187,6 mil unidades, alta de 6,7%.

O destaque vai para ônibus usados, que tiveram o maior índice de crescimento, 28,1%, indicando a transferência de 24,1 mil unidades. Os automóveis somaram 4,38 milhões de unidades usadas vendidas, volume 10,1% maior do que o apurado na primeira metade do ano passado.

As transferências de caminhões no primeiro semestre superaram as do ano passado em 4,1%, para 163,4 mil unidades. Já para comerciais leves, houve alta de 8,2%, para 685 mil.

Segundo a Fenabrave, foram vendidos em média quase 5 veículos usados para cada novo registrado no semestre. Ainda de acordo com a entidade, a venda de usados corresponde a 15% em média do faturamento total das concessionárias, sendo 60% composto com a venda de novos e 25% de pós-venda.



Tags: Vendas, usados, veículos, Fenabrave.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência