Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Negócios | 24/08/2017 | 19h10

Mercedes faz venda de 142 caminhões no Brasil e no Peru

São 105 Axor para a Transgrãos e outros 37 Atego da Coca-Cola Lindley

REDAÇÃO AB

A Mercedes-Benz anuncia duas vendas importantes de caminhões que totalizam 142 unidades, das quais 105 do modelo Axor 2536 6x2, adquiridos pela Transgrãos, de Patos de Minas (MG), e os demais 37 Atego 1725 comprados pela empresa Coca-Cola Lindley, de Lima, no Peru.

Os Axor serão utilizados no setor de agronegócio, para o transporte de milho em espiga. A Transgrãos atua neste mercado há 26 anos e tem como sua principal atividade o transporte de sementes de milho em espigas, sementes prontas para entrega ao produtor, cereais e insumos agrícolas entre os estados de Minas Gerais, Mato Grosso, Goiás, São Paulo, Paraná e Bahia. A venda de 105 caminhões envolveu o concessionário Prodoeste, com participação do Banco Mercedes-Benz no financiamento.

“Essa compra de 105 caminhões Axor está atrelada a novos contratos e também a novas estratégias de ampliação na atividade de semente de milho”, informa o presidente da Transgrãos, Elias Caixeta. “Conforme a demanda do contrato, avaliamos que era necessário aumentar a nossa frota”. Com isso, a empresa passa a contar com 280 caminhões da marca, representando 75% de sua frota.

“Nossa linha de extrapesados é reconhecida no agronegócio, bem como em diversos outros setores, pelo reduzido custo operacional, alta produtividade e ampla disponibilidade para o transporte rodoviário e fora de estrada”, afirma o vice-presidente de vendas, marketing, peças e serviços de caminhões e ônibus da Mercedes-Benz do Brasil, Roberto Leoncini. “Além disso, os clientes contam com o maior portfólio de peças e serviços e cobertura da rede de concessionários, presente em todos os estados do País”.

Já no caso dos 37 Atego enviados ao Peru, esta é a primeira venda da montadora para A Coca-Cola Lindley, que possui uma frota de 1,2 mil veículos. Os caminhões já estão em operação na capital Lima para o transporte de bebeidas, como a Inca Kola, refrigerante típico no país. As negociações com o mercado peruano são intermediadas pela Divemotor, representante comercial da Mercedes-Benz hoje com 18 filiais para venda e pós-venda de veículos comerciais no país.

“Um dos destaques dessa venda é a forte imagem do produto brasileiro, como a sua durabilidade, para o transporte de bebidas. É motivo de orgulho realizar esse negócio com um novo cliente do Peru, um dos principais mercados da Mercedes-Benz do Brasil para exportação de caminhões”, explica o diretor geral da Daimler Latina, Matthias Barth.

O Peru é o terceiro principal mercado de exportação de caminhões da Mercedes-Benz feitos no Brasil, atrás apenas de Argentina e Chile. “Entre janeiro e julho de 2017 tivemos um crescimento de 29% nas exportações para o Peru em comparação com o mesmo período de 2016. O volume entregue esse ano é de 294 unidades ante as 228 exportadas no ano anterior”, destaca o presidente e CEO para a América Latina, Philipp Schiemer.



Tags: Mercedes-Benz, caminhões, venda, Axor, Atego.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência