Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Lexus abre novo ponto em shopping de São Paulo

Distribuição | 27/09/2017 | 19h42

Lexus abre novo ponto em shopping de São Paulo

Até o fim de 2017 a marca premium terá um total de 18 lojas no Brasil

REDAÇÃO AB

A Lexus, marca premium do grupo Toyota, está expandindo sua rede no Brasil. Um novo ponto de venda de 169 metros quadrados foi aberto dentro do Shopping Cidade Jardim, em São Paulo

A loja segue o padrão internacional e servirá de referência para futuros pontos de vendas e serviços no Brasil. Até o fim deste ano haverá mais três Espaços Lexus: em Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR) e Fortaleza (CE).

A empresa já dispõe de outras duas lojas nesse formato em operação no Brasil, a primeira no Leblon Shopping, no Rio de Janeiro (RJ), e a segunda no Shopping Iguatemi Porto Alegre (RS). Com isso os pontos de venda até o fim do ano chegarão a 18. Os pontos de serviço são 16.

A Lexus também passa a utilizar um novo plano de financiamento, o Lexus Privilege, como forma de ampliar as vendas. O cliente oferece entrada entre 30% a 90% do valor a ser financiado, escolhe entre 12 e 36 parcelas e paga um residual de até 40%.

A quitação pode ser feita pela renovação do contrato, em que a Lexus garante a recompra do usado por no mínimo 80% da tabela Fipe, e a diferença é utilizada para a entrada em um Lexus zero-quilômetro.

Veja a simulação do Privilege para o híbrido CT200h:

- Valor do modelo: R$ 152,9 mil
- Entrada: R$ 45,9 mil
- Prestações: 36x de R$ 2.860 (incluindo seguro e manutenção)
- Parcela residual: R$ 46,1 mil
- Valor estimado de recompra (80% Fipe): R$ 92 mil.

Tags: Lexus, Toyota, Privilege, tabela Fipe, Shopping, Cidade Jardim.


Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
AB Inteligência