NOTÍCIAS
03/10/2017 | 17h30

Mercado

Vendas de veículos leves confirmam alta mais acelerada no ano

Emplacamentos de automóveis e utilitários crescem 8% em 2017


PEDRO KUTNEY, AB

Com menos dias úteis (20), setembro fechou com queda 7,7% na venda mensal de veículos leves em relação a agosto (23 dias), mas a tendência do mercado segue sendo de alta, pois o volume médio diário de emplacamentos de 9.679 unidades no mês passado foi 6% maior do que os 9.124 do período anterior. A comparação com setembro de 2016 é bem melhor, com significativa expansão de 25% nos licenciamentos. O resultado confirma o crescimento anual do segmento, com 1,57 milhão de emplacamentos de automóveis e utilitários nos nove primeiros meses de 2017, que representam aumento de 7,86% sobre o mesmo período do ano passado. Os números foram divulgados na terça-feira, 3, pela associação dos concessionários, a Fenabrave, com base nos dados do Renavam.

-Veja aqui os dados da Fenabrave
-Veja aqui outros dados de emplacamentos
- Veja outras estatísticas em AB Inteligência

Alarico Assumpção Júnior, presidente da Fenabrave, avalia que o resultado de setembro confirmou a melhora esperada do mercado de veículos, que vem se consolidando nos últimos meses. “Apesar da queda mensal em setembro contra agosto, a média diária dos emplacamentos foi superior. Esse movimento de alta nas vendas diárias é reflexo de fatores positivos como a redução da taxa de juros, dos índices de desemprego e da inadimplência. Juntos, esses fatores atuaram positivamente na intenção de compra do consumidor”, diz.

Assumpção Jr. destaca ainda a expansão do crédito acima de 8%. “No início do ano, de cada 10 pedidos de aprovação de financiamento (para compra de automóveis e comerciais leves), apenas três eram aprovados. Esse índice já subiu agora para 3,4 a cada 10 fichas. É bom, mas mostra que ainda há bastante espaço para crescer”, pondera.

ALTA MAIOR NOS AUTOMÓVEIS

A puxada maior nas vendas continua sendo segmento de veículos de passeio, o maior do mercado. De janeiro a setembro foram emplacados 1,35 milhão de carros, o que significa alta de quase 9% sobre os mesmos meses de 2016. Na comparação mensal, de setembro contra o mesmo mês do ano passado, o crescimento anotado foi de expressivos 28%, com 181 mil emplacamentos de automóveis.

No segmento de utilitários a expansão é bem menor, de apenas 1,6% no ano de janeiro a setembro, com 225,3 mil emplacamentos de picapes, vans e furgões. No mês passado os licenciamentos de comerciais leves somaram 29 mil, em crescimento de 6,6% na comparação com setembro de 2016.

Assista abaixo reportagem da ABTV sobre as vendas de veículos em setembro e projeções para o ano inteiro:


Comentários: 1
 

Marco Coelho
04/10/2017 | 23h08
A Fenabrave explica que houve aumento nas vendas entre setembro e agosto 2017, em função de dias úteis, e também no acumulado do ano. Mas qual a fatia do mercado de veículos leves tomada pela venda a empresas e locadoras de veículos? Pelo relatório da Fenabrave, mostra expressivos 39% em automóveis e de 69% (!) em comerciais leves. Acredito que o ponto seja valorizar a venda ao consumidor final, fortalecer a rede de distribuidores, e não apenas emplacar. Qual a verdadeira ação que a Fenabrave vai tomar para reverter este quadro de forma a poder exclamar o resultado de vendas que se vangloria em noticiar? O mercado como um todo traz um sinal bem diferente, com desemprego recorde, altas taxas de juros ao tomador do crédito, elevada inadimplência e medo de tomar empréstimo e assumir dívidas. Imagino que a Fenabrave tenha um plano para reverter este cenário atual - pois voltamos uma década nos volumes de vendas - sem onerar a conta de vendas diretas a empresas. Cordialmente,

Comente essa notícia

Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de questões técnicas ou comerciais. Os comentários serão publicados após análise. É obrigatório informar nome e e-mail (que não será divulgado ao público leitor). Não são aceitos textos que contenham ofensas, palavras chulas ou digitados inteiramente em letras maiúsculas. Também serão bloqueados currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
Seu nome*: Seu e-mail*:

QUEM É QUEM NO SETOR AUTOMOTIVO

Encontre empresas e profissionais do setor.
Confira seus perfis e biografias.

Encontre empresas e profissionais do setor.

Encontre empresas e profissionais de comunicação.

Confira seus perfis e biografias.

COLUNISTAS

ALTA RODA | 11/10/2017
Montadoras decretam fim da crise e já desfrutam de trajetória de recuperação

Esta coluna é apoiada por:

Documento sem título
Advertisement Advertisement Advertisement
DE CARRO POR AÍ | 13/10/2017
Com Jumpy, marca avança em novo território
AUTOINFORME | 11/10/2017
Onix e HB20 elevam o patamar de entrada no mercado brasileiro
Novas palavras, expressões e siglas podem levantar dúvidas sobre o futuro
INOVAÇÃO | 15/08/2017
Indústria automotiva precisa abrir os olhos para novas formas de trabalhar
DISTRIBUIÇÃO | 03/08/2017
Marca percorreu caminho árduo e conseguiu destronar a Toyota da 1ª posição
QUALIDADE | 03/07/2017
Rota 2030 terá missão de levar a indústria automotiva nacional até o futuro
QUALIDADE | 23/11/2016
Empresas do setor automotivo precisam atualizar sistema de qualidade até 2018
Indústria | 01/08/2016
Declaração do presidente da FCA evidencia crise no setor de autopeças
Pressão de montadoras adia controle de estabilidade obrigatório
Tecnologia | 23/07/2015
Novas ferramentas de desenvolvimento encurtam caminho para a competitividade
Tecnologia | 13/03/2015
Setor enfrentará grandes mudanças nos próximos anos
MERCADO | 16/01/2015
Utilização do potencial só deve melhorar a partir de 2016
COMPETITIVIDADE | 08/04/2014
Interrupção do crescimento desafia fabricantes