Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Grupo VW cresce em todas as macrorregiões

Balanço | 17/11/2017 | 16h35

Grupo VW cresce em todas as macrorregiões

Vendas no acumulado do ano somam 8,7 milhões de veículos e alta de 3,2%
REDAÇÃO AB

As vendas mundiais do Grupo VW de janeiro a outubro somaram 8,7 milhões de unidades, registrando alta de 3,2% sobre o mesmo período de 2016. A companhia obteve crescimento em todas as macrorregiões. A Europa absorveu 3,6 milhões de unidades e obteve alta de 3% sobre igual período de 2016.

Os países ocidentais do continente compraram 3 milhões de veículos, anotando ligeiro acréscimo de 1,3%. A Europa Central e o Leste Europeu compraram ao todo 608,4 mil unidades e cresceram 12,8%. A Rússia manteve volume moderado no período, mas continua melhorando seu desempenho sobre 2016. Nesses dez meses absorveu 152,1 mil veículos, levando a uma alta de 12,5% sobre igual período do ano passado.

A Ásia-Pacífico mantém leve crescimento e grandes volumes como a Europa, com 3,6 milhões de veículos e pequena alta de 1,6%. O aumento de vendas é motivado pela China, onde a entrega de 3,3 milhões de veículos do Grupo VW foi 2,3% maior que no mesmo período de 2016.

Embora com menor volume, a maior alta entre as macrorregiões ocorreu na América do Sul, em que a entrega de 435,2 mil veículos trouxe crescimento de 24,5% sobre o mesmo período do ano passado, motivado por Argentina e Brasil. Nos próximos anos a empresa quer ampliar para 1 milhão de veículos o volume da região (veja aqui). A América do Norte absorveu 800,4 mil veículos do grupo e cresceu 5%. Somente nos Estados Unidos foram entregues 509,2 mil unidades.

DESEMPENHO POR MARCA

De todas as marcas de maior volume do grupo, a única com desempenho negativo foi a Audi. Com 1,54 milhão de automóveis, anotou queda de 1,3%, ainda como reflexo do baixo desempenho de vendas no mercado chinês nos primeiros meses de 2017. Já os automóveis Volkswagen superaram a barreira dos 5 milhões no acumulado até outubro e registraram crescimento de 3,2%.

A alta mais acentuada entre as marcas, de 14,4%, ocorreu para a espanhola Seat, com 395,1 mil veículos entregues. A Porsche continua crescendo em razão da oferta de SUVs e da renovação de modelos. Vendeu em todo o mundo 206,1 mil automóveis e obteve alta de 4,1% sobre igual período do ano passado. A Skoda também se manteve no positivo no acumulado até outubro. Entregou 978,5 mil veículos e cresceu 4,2% sobre os mesmos oito meses de 2016.

BOM DESEMPENHO TAMBÉM EM COMERCIAIS

Os números divulgados pela companhia também indicam alta nos veículos voltados ao trabalho. A divisão VW Veículos Comerciais entregou até outubro 410,9 unidades e cresceu 5,1%. A MAN vendeu 91 mil veículos e anotou alta de 9,9%, enquanto a Scania, com 72,5 mil unidades, cresceu 9,7%.

Veja abaixo os números divulgados pelo Grupo Volkswagen:



Tags: Grupo VW, Volkswagen, vendas mundiais, Audi, Skoda, Seat, MAN, Scania, Porsche.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência