NOTÍCIAS
01/12/2017 | 19h44

Negócios

Osram e Continental concluem negociação de joint venture

Empresas se unem para desenvolver tecnologias de iluminação inteligente


REDAÇÃO AB

As empresas Osram e Continental concluíram as negociações iniciadas em julho deste ano (leia aqui) para a criação de uma joint venture focada no desenvolvimento de tecnologias de iluminação inteligente para o mercado automotivo. Com 50%/50% de participação, a Osram Continental GmbH fixará sede em Munique, Alemanha, com início das atividades em 2018, com previsão de gerar vendas anuais de € 400 a € 660 milhões, atuando em 17 países e com um total de 1,7 mil funcionários.

O CEO da Osram, Dirk Linzmeier, e o CFO da Continental, Harald Renner, foram nomeados diretores executivos da joint venture, que está sujeita a acordos finais e a aprovações antitrustes.

“Tanto a Osram quanto a Continental sempre foram referência no mercado automotivo. Com a parceria, estarão aptas a oferecer uma ampla variedade de soluções de iluminação de ponta, dedicadas especialmente para aplicações em faróis dianteiros e traseiros”, afirma o CEO da Osram no Brasil, Ricardo Leptich.

As operações de Solid State Lighting (SSL) da Osram serão transferidas para a joint venture, bem como as do setor de controle de luz da unidade de negócios Body & Security da Continental. Com isso, serão criadas combinações de módulos de iluminação baseadas em semicondutores, eletrônicos avançados, ótica e expertise de software, com acesso a tecnologia sensorial e a novos recursos de luz.

“O ritmo da inovação no segmento de iluminação na indústria automotiva é rápido e o software está fortalecendo essa dinâmica”, explica o membro do comitê executivo da Continental, Helmut Matschi. “Enquanto a expertise de iluminação convencional permanece importante para nossos clientes, a adição de eletrônicos para permitir novas funções de luz está ganhando cada vez mais importância. A joint venture sistematicamente combinará essas duas áreas e as elevarão a um novo nível”, acrescenta.

O mercado de soluções de iluminação dianteira baseada em semicondutores cresce dois dígitos por ano. Estudos de mercado indicam que em 2025, mais da metade dos novos carros pelo mundo poderão ser equipados de soluções de iluminação baseada em semicondutores.

Comentários: 0
 

Comente essa notícia

Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de questões técnicas ou comerciais. Os comentários serão publicados após análise. É obrigatório informar nome e e-mail (que não será divulgado ao público leitor). Não são aceitos textos que contenham ofensas, palavras chulas ou digitados inteiramente em letras maiúsculas. Também serão bloqueados currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
Seu nome*: Seu e-mail*:


QUEM É QUEM NO SETOR AUTOMOTIVO

Encontre empresas e profissionais do setor.
Confira seus perfis e biografias.

Encontre empresas e profissionais do setor.

Encontre empresas e profissionais de comunicação.

Confira seus perfis e biografias.

COLUNISTAS

ALTA RODA | 16/01/2018
Quem liderou os principais segmentos em 2017

Esta coluna é apoiada por:

Advertisement Advertisement Advertisement
Advertisement Advertisement
QUALIDADE | 01/12/2017
Envolver e motivar colaboradores é essencial para gerar bons resultados
DISTRIBUIÇÃO | 03/08/2017
Marca percorreu caminho árduo e conseguiu destronar a Toyota da 1ª posição
Tecnologia | 23/07/2015
Novas ferramentas de desenvolvimento encurtam caminho para a competitividade
MERCADO | 16/01/2015
Utilização do potencial só deve melhorar a partir de 2016
COMPETITIVIDADE | 08/04/2014
Interrupção do crescimento desafia fabricantes
Novas palavras, expressões e siglas podem levantar dúvidas sobre o futuro
QUALIDADE | 03/07/2017
Rota 2030 terá missão de levar a indústria automotiva nacional até o futuro
INOVAÇÃO | 19/01/2018
Há alguns obstáculos para fazer dar certo a relação entre elefantes e formiguinhas
AUTOINFORME | 10/01/2018
Só três dos 15 mais importados não são utilitários esportivos
QUALIDADE | 23/11/2016
Empresas do setor automotivo precisam atualizar sistema de qualidade até 2018
Indústria | 01/08/2016
Declaração do presidente da FCA evidencia crise no setor de autopeças
Pressão de montadoras adia controle de estabilidade obrigatório
Tecnologia | 13/03/2015
Setor enfrentará grandes mudanças nos próximos anos
DE CARRO POR AÍ | 12/01/2018
Que tal pagar uns R$ 64.000 pela versão Precision, 1.8, automática?