Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Porsche, Daimler, Volvo e Italdesign se unem por carros voadores

Mobilidade | 13/03/2018 | 17h53

Porsche, Daimler, Volvo e Italdesign se unem por carros voadores

Empresas apostam em drones autônomos para circular em cidades

REDAÇÃO AB

Nos anos 1960 a animação Os Jetsons previa um futuro com carros voadores. Demorou, mas enfim essa ideia começa a se transformar em uma possibilidade real. A Porsche firmou parceria com Daimler, Volvo Cars e Italdesign, empresa de design de automóveis fundada por Giorgetto Giugiaro. As companhias pretendem trabalhar juntas no desenvolvimento de drones autônomos para o transporte em grandes cidades.

As empresas apostam no que chamam de mobilidade tridimensional, que tem como meta ocupar o espaço vazio no céu para aumentar a eficiência dos deslocamentos. “É uma dimensão que está vazia, sem congestionamento. Pense em países como o México e o Brasil, com cidades onde é possível demorar quatro horas para fazer um deslocamento de 20 quilômetros. Pelo ar só levaria alguns minutos”, disse Detlev von Platen, diretor de vendas da Porsche, em entrevista a Automotive News Europe.

O plano não é inédito. Há uma série de companhias trabalhando em soluções semelhantes, como a Uber, que anunciou no começo deste ano parceria com a Bell Helicopter para desenvolver drone autônomo para até cinco passageiros. A própria Geely, chinesa que detém o controle da Volvo Cars, comprou recentemente a Terrafugia, empresa do Estados Unidos que trabalha no desenvolvimento de carros voadores e planeja entregar sua primeira solução ao mercado já em 2019.



Tags: carros voadores, drone autônomo, Porsche, Daimler, Volvo, ITaldesign.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência