Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
FCA domina venda direta com Fiat e Jeep
Toro saltou da 7ª para a 4ª posição em vendas diretas em 1 ano. As 16,5 mil unidades até maio representam alta de 45,2%

Mercado | 05/06/2018 | 16h44

FCA domina venda direta com Fiat e Jeep

Além de veículos de volume, ela conquista o segmento com modelos de maior valor

MÁRIO CURCIO, AB

A FCA Fiat Chrysler tomou conta das vendas diretas, aquelas feitas em regra para frotistas como locadoras e para o governo, por exemplo. Não seria novidade analisando apenas o volume de automóveis e comerciais leves, já que o Fiat Uno e a picape Fiat Strada sempre tiveram boa penetração neste segmento. O que ocorre agora além da quantidade é a presença de modelos com maior valor agregado entre os mais vendidos.

Em um ano, a picape Fiat Toro subiu do sétimo para o quarto lugar nas vendas diretas. Com 16,5 mil unidades entregues de janeiro a maio aos frotistas, anotou alta de 45,2% sobre igual período do ano passado. Vale lembrar que se trata de um carro com preço inicial próximo a R$ 80 mil.

Outro destaque é o Jeep Compass, um modelo de quase R$ 110 mil, que em um ano saltou do 15º para o oitavo lugar nessa lista, com 11,3 mil unidades e alta de quase 80% na comparação interanual. Um ano atrás o oitavo lugar era de outro carro bem mais modesto do grupo, o Uno, com preço-base de cerca de R$ 40 mil.

O Jeep Renegade subiu da décima para a nona colocação. Com 11,1 mil unidades entregues a frotistas, registrou alta de 50,1%. Trata-se de um carro de mais de R$ 75 mil que está hoje no lugar ocupado um ano atrás pelo VW Voyage, sedã com preço inicial de R$ 52 mil.

A FCA também foi beneficiada pelo aumento da confiança na economia, que levou frotistas a trocar ou comprar mais picapes Strada. O modelo teve 25,9 mil unidades entregues, 48% a mais que no mesmo período do ano passado. Vem superando até mesmo o Chevrolet Onix nesse canal de vendas.

HB20 ACUSA O GOLPE NAS VENDAS TOTAIS


Os três primeiros lugares permanecem com Chevrolet Onix, Hyundai HB20 e Ford Ka, mas o mais atingido dos três pela concorrência do novo VW Polo é o Hyundai. Na comparação interanual, enquanto as vendas do Onix subiram 7,4% e as do Ka, 9,7%, as do HB20 cresceram menos de 2%. O veterano VW Gol também foi afetado pelo novo “irmão”. Suas vendas recuaram 7,4%.

Mas quem sentiu mesmo a concorrência dentro de casa foi o Renault Sandero, que um ano atrás ocupava a quarta posição geral e caiu para a 15ª. De 29,8 mil unidades, baixou para 18,9 mil na comparação interanual (retração de 36,4%). O Renault mais vendido atualmente é o Kwid. Lançado há cerca de um ano, ocupa a oitava posição na lista dos automóveis e comerciais leves, com 24,7 mil unidades.



Tags: FCA, Fiat Chrysler, frotistas, vendas diretas, Strada, Uno, Toro, Jeep, Compass, Renegade, Chevrolet, Onix, VW, Gol, Voyage, Polo, Ford, Ka, Hyundai, HB20, Renault, Sandero, Kwid.

Comentários

  • AndersonGomes Pereira

    Referentea o liderança de vendas diretas da FCA é porque hoje pra comprar um veículo atraves de venda direta vocês não precisa ser mais um frotista. Basta que vc tenha um CNPJ e pronto.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência